Silverstone confirma primeira corrida de classificação da história da Fórmula 1

O circuito de Silverstone, palco do GP da Inglaterra, confirmou que vai receber a primeira corrida de classificação da história da Fórmula 1. A categoria, no entanto, ainda não anunciou as duas outras pistas que vão sediar a novidade em 2021

Volta em Mônaco com Hesketh 308 guiada por Jean-Denis Delétraz (Vídeo: Reprodução)

O circuito de Silverstone confirmou que vai receber a primeira corrida de classificação, inovação a ser implementada pela Fórmula 1 ao longo da temporada 2021 em três etapas do calendário. Com isso, no sábado do GP da Inglaterra, os 20 pilotos do grid vão andar por 17 voltas, ou 100 km, em busca de mais pontos no campeonato.

A expectativa, de acordo com informações preliminares, era de que Silverstone recebesse a primeira corrida de classificação, com outros dois circuitos clássicos também sendo palco da novidade: Monza, na Itália, e Interlagos, no Brasil. Ambos, no entanto, ainda não foram garantidos pela F1 ou por fontes oficiais.

No caso de Silverstone, a confirmação veio do diretor Stuart Pringle. “Estamos empolgados demais de que os fãs em Silverstone serão os primeiros a ver a corrida de classificação da Fórmula 1 neste ano, no GP da Inglaterra”, afirmou.

Silverstone recebeu duas corridas da F1 em 2020 (Foto: Racing Point)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

“Não vamos uma mudança tão grande no esporte em anos e agradecemos os esforços contínuos feitos pela F1 e pela FIA para aumentar o entretenimento nas pistas para nossos espectadores, então estamos ansiosos para julho chegar”, completou o dirigente.

O formato determina que a sexta-feira terá uma sessão de classificação após o primeiro treino livre, que determinará o grid de largada para a corrida de sprint no sábado. O resultado desta corrida determina o grid do GP no domingo. Também foi determinado que os três primeiros colocados do sábado vão receber pontos. O vencedor recebe 3, o segundo colocado ganha 2 e o terceiro fecha com 1 ponto. A corrida de classificação terá 100 km de distância, cerca de um terço do que é percorrido em uma prova normal.

Os pneus serão impactados pela decisão. No novo formato, os times terão dois jogos de pneus disponibilizados, enquanto a classificação da sexta terá até 5. Já no sábado, no treino livre 2, um composto será escolhido pelas equipes, e a corrida de sprint acontece com até duas opções. No domingo, o GP acontece com o restante dos pneus disponíveis.

Silverstone vai receber primeira corrida de classificação da F1 (Foto: AFP)

Siga o GRANDE PRÊMIO nas redes sociais:
YouTube | Facebook | Twitter Instagram | Pinterest | Twitch | DailyMotion

As regras do parque fechado serão adotadas a partir da classificação da sexta-feira, impedindo a troca dos principais componentes do carro. O objetivo é de evitar carros construídos especialmente para a classificação, limitar o número de horas necessárias para preparar o carro para o dia seguinte e permitir a reconfiguração dos carros para tornar o treino livre do sábado em uma sessão útil.

Em março, o circuito de Silverstone anunciou a doação de 10.000 ingressos de seus principais eventos de 2021 para os trabalhadores que passaram o caos sanitário no combate à Covid-19. Os 10.000 ingressos serão divididos entre o GP da Inglaterra de Fórmula 1, o de MotoGP e The Classic – evento de automóveis clássicos, bastante popular na Europa. Os beneficiados serão trabalhadores do NHS – espécie de Sistema Único de Saúde do Reino Unido -, serviços de emergência, serviço social e forças armadas.

“O público na sexta-feira e no sábado em Silverstone são, com certeza, os maiores do calendário da F1 e este ano não será exceção. Estamos com ingressos quase esgotados para o domingo, agora o sábado representa uma grande oportunidade para os fãs verem uma corrida de F1 no verão”, pontuou Pringle.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar