Vettel crê ter sido feito de escudeiro de Leclerc e lamenta: “Não me ajudou”

De acordo com o tetracampeão, Ferrari agiu para que ele servisse como escudeiro do companheiro na batalha contra os carros da Renault

Se a Ferrari viu suas chances de bons dias aumentarem em Sóchi, Sebastian Vettel deixa a cidade com gosto amargo na boca. No GP da Rússia deste domingo (27), o tetracampeão terminou sem pontos. Após bater na classificação do sábado, terminou o fim de semana em baixa e incomodado por ter sido usado como escudeiro de Charles Leclerc.

Após a prova, Vettel comentou uma série de problemas que renderam o dia difícil, mas um chamou a atenção: está convicto de que o momento em que foi aos boxes foi escolhido propositalmente da Ferrari como forma de ficar durante algumas voltas à frente das Renault de Daniel Ricciardo e Esteban Ocon, deixando-os mais lentos enquanto brigavam com Leclerc.

“Não tive uma grande largada e não tive como me beneficiar do que aconteceu. Depois, fiquei no tráfego o tempo inteiro e, provavelmente, destruí meus pneus por conta disso. Ainda, passando disso, quebrei um bloco de freio, que ficou danificado até o pit-stop. Aí, não tinha muito mais sobrando”, disse.

“Foi muito claro que eu fui liberado naquele momento para segurar as Renault. Não me ajudou, claro. Creio que podíamos ter marcado um ponto, mas isso não vai mudar agora”, seguiu.

De fato, Leclerc terminou na sexta colocação e entre Ricciardo, em quinto, e Ocon, em sétimo. Vettel foi 13º.

Embora goste da pista de Nürburgring, que recebe a F1 em duas semanas, mostrou pessimismo quanto às chances.

“É certamente uma das corridas mais legais, mas o carro será semelhante ao das últimas duas semanas, então não será um fim de semana fácil”, finalizou.

Após um dia como escudeiro de alguém, ao menos na opinião dele, Vettel segue com 17 pontos no Mundial de Pilotos.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube