F1

Vettel quebra recorde de Interlagos e lidera com folga terceiro treino livre. Hamilton termina em segundo

Lewis Hamilton teve problemas e só saiu dos boxes quando restavam 30 minutos para o fim da sessão. Sebastian Vettel, ao contrário, foi soberano nesta manhã de sábado e quebrou o recorde de Interlagos no atual traçado ao ser o primeiro homem a virar na casa de 1min07 no circuito paulistano
Warm Up, de São Paulo / FERNANDO SILVA, de Interlagos
 Sebastian Vettel (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)

O equilíbrio visto nos treinos de sexta-feira deu lugar a uma performance contundente da Ferrari na manhã deste sábado (10) em Interlagos. Sebastian Vettel não apenas foi o mais rápido da última sessão antes da definição do grid de largada do GP do Brasil como também estabeleceu o novo recorde de Interlagos: 1min07s948. Lewis Hamilton enfrentou problemas na primeira parte da sessão e só deixou os boxes da Mercedes quando faltavam 30 minutos para o fim. Ainda assim, o pentacampeão do mundo conseguiu o segundo melhor tempo do treino, com 0s217 de atraso para Vettel, enquanto Valtteri Bottas completou o top-3 com dois carros prateados entre os três primeiros.

Kimi Räikkönen se posicionou em quarto com a outra Ferrari, seguido pelas Red Bull de Max Verstappen e Daniel Ricciardo. A Haas mantém o posto de 'melhor do resto' e ficou em sétimo lugar com Kevin Magnussen, com o dinamarquês sendo seguido de perto pelo seu companheiro de equipe, Romain Grosjean. A surpresa foi a presença de Pierre Gasly em nono lugar com a Toro Rosso Honda, enquanto Charles Leclerc colocou o quinto carro empurrado por motor Ferrari na lista dos dez mais rápidos da sessão.
Sebastian Vettel quebrou o recorde de pista de Interlagos neste sábado (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)
A definição do grid de largada acontece logo mais, a partir de 15h (horário de Brasília). O GRANDE PRÊMIO cobre ‘in loco’ o GP do Brasil de F1 com os repórteres Evelyn Guimarães, Felipe Noronha, Fernando Silva, Gabriel Curty, Juliana Tesser, Nathalia De Vivo e Pedro Henrique Marum, e o fotógrafo Rodrigo Berton. Acompanhe tudo aqui.

Saiba como foi o terceiro treino livre do GP do Brasil de F1


Envolto por nuvens bem carregadas, o Autódromo de Interlagos teve o começo do terceiro treino livre com os pilotos realizando as costumeiras voltas de instanação. De olho nos trabalhos visando a sessão classificatória de logo mais, a Ferrari não tardou a mandar seus dois pilotos, Sebastian Vettel e Kimi Räikkönen, com os pneus supermacios para a pista. Foi justamente Kimi quem marcou o primeiro treino do dia: 1min09s424.

O treino demorou um bom tempo para esquentar: Vettel, por exemplo, só marcou sua primeira volta rápida, 1min08s857, com 17 minutos de sessão. Em seguida, Valtteri Bottas foi para a pista e subiu para terceiro, enquanto Lewis Hamilton ainda seguia nos boxes e tinha as imagens do seu carro bloqueadas por vários mecânicos da Mercedes. Com um pouco de fumaça no W09, a equipe tirou a tampa do motor para tentar sanar o problema.
Charles Leclerc foi um dos bons nomes do terceiro treino livre (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)
Na sequência do treino, Bottas subiu para segundo e ficou 0s290 atrás de Vettel, deixando Räikkönen em terceiro. Charles Leclerc era novamente uma ótima surpresa. O monegasco aparecia em quarto lugar, seguido por Kevin Magnussen e Pierre Gasly, de Haas e Toro Rosso, respectivamente. O bom desempenho da Sauber não era por acaso, tanto que Marcus Ericsson vinha na sétima posição. Chamava a atenção que, além de Hamilton, Daniel Ricciardo e Max Verstappen não estavam nos boxes.

Com os problemas no carro devidamente sanados, Hamilton foi para a pista quando restavam exatamente meia hora para o fim. Logo na sua primeira volta, usando os supermacios, Lewis desbancou Bottas e virou 1min09s098, ficando 0s241 atrás de Vettel. Verstappen e Ricciardo também abriram suas respectivas voltas. Sem muito esforço, o australiano subiu para quarto, ficando logo à frente de Max, e os dois superando a Ferrari de Räikkönen.

Assim, a Ferrari mandou Kimi e Vettel para mais um stint com os supermacios. Hamilton chegou a assumir a liderança com 1min08s762, que era o melhor tempo do fim de semana. Até que Räikkönen foi ainda melhor com 1min08s490. Só que Vettel não deixou pedra sobre pedra e quebrou o recorde histórico de Interlagos no traçado atual: 1min07s948. Bottas chegou a melhorar seu tempo a ponto de passar para segundo, mas com 0s517 de déficit para o alemão.

Com 15 minutos para o fim do treino, Hamilton fez mais um stint com pneus supermacios. Enquanto Räikkönen e Vettel voltavam para os boxes, Lewis fazia uma volta muito consistente, com direito a segundo setor roxo. O pentacampeão do mundo melhorou, subiu para segundo, mas ainda ficou 0s217 atrás do Seb. Em seguida, o piloto da Mercedes reduziu o ritmo antes de regressar para os boxes na reta final da sessão.

Hamilton não conseguiu melhorar seu tempo nos minutos finais. Por outro lado, Magnussen encaixou ótima volta e se colocou em quinto lugar. O dinamarquês acabou sendo superado depois por Ricciardo, mas conseguiu uma sexta colocação, ficando à frente do seu companheiro de equipe, Romain Grosjean, e Verstappen apenas em sétimo. Leclerc, outro piloto empurrado por motor Ferrari, vinha em nono lugar, com Pierre Gasly fechando o top-10.

Mas antes da bandeira quadriculada, Verstappen melhorou o bastante para superar Ricciardo e subir para quinto lugar, sendo o mais rápido dentre os carros da Red Bull neste começo de tarde em Interlagos.

F1 2018, GP do Brasil, Interlagos, treino livre 3:

1 S VETTEL Ferrari 1:07.948   17
2 L HAMILTON Mercedes 1:08.165 +0.217 13
3 V BOTTAS Mercedes 1:08.465 +0.517 22
4 K RÄIKKÖNEN Ferrari 1:08.490 +0.542 17
5 M VERSTAPPEN Red Bull Tag Heuer 1:08.733 +0.785 12
6 D RICCIARDO Red Bull Tag Heuer 1:08.788 +0.840 12
7 K MAGNUSSEN Haas Ferrari 1:09.146 +1.198 14
8 R GROSJEAN Haas Ferrari 1:09.257 +1.309 16
9 P GASLY Toro Rosso Honda 1:09.402 +1.454 21
10 C LECLERC Sauber Ferrari 1:09.448 +1.500 21
11 N HÜLKENBERG Renault 1:09.461 +1.513 19
12 E OCON Force India Mercedes 1:09.588 +1.640 18
13 M ERICSSON Sauber Ferrari 1:09.808 +1.860 23
14 C SAINZ JR Renault 1:09.864 +1.916 17
15 S SIROTKIN Williams Mercedes 1:09.885 +1.937 14
16 B HARTLEY Toro Rosso Honda 1:09.985 +2.037 17
17 L STROLL Williams Mercedes 1:10.001 +2.053 17
18 F ALONSO McLaren Renault 1:10.020 +2.072 15
19 S PÉREZ Force India Mercedes 1:10.116 +2.168 17
20 S VANDOORNE McLaren Renault 1:10.289 +2.341 16
    Tempo 107% 1:12.704 +4.756  
           
REC S VETTEL Ferrari 1:07.948 10/11/2018  
MV M VERSTAPPEN Red Bull Tag Heuer 1:11.044 12/11/2017