Bird mostra competitividade da McLaren e lidera TL2 do eP de São Paulo

O segundo treino livre em São Paulo terminou com a liderança do veterano Sam Bird, da McLaren. A sessão também entregou problemas para Mitch Evans e Edoardo Mortara na pista no Anhembi

A Fórmula E iniciou o segundo dia de atividades do eP de São Paulo bem cedinho neste sábado (16) com o segundo treino livre no circuito que fica no Sambódromo do Anhembi. Em uma sessão mais conturbada do que a primeira, o britânico Sam Bird terminou na frente, com o tempo de 1min12s773, seguido pelo pole de 2023, Stoffel Vandoorne, e pelo pole da última prova em Diriyah, Oliver Rowland.

O atual campeão Jake Dennis apareceu logo na sequência, seguido pela dupla da Porsche com Pascal Wehrlein e António Félix da Costa. Nyck de Vries foi o sétimo, logo à frente do brasileiro Sérgio Sette Câmara. Norman Nato e Jehan Daruvala completaram os dez primeiros.

Relacionadas


Diferentemente de Sette Câmara, que conseguiu andar na frente, Lucas di Grassi foi apenas o 18º colocado na segunda oportunidade de pista da quarta etapa de 2024 da Fórmula E.

:seta_para_frente: Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
:seta_para_frente: Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Edoardo Mortara teve problemas no TL2 (Foto: Mahindra)

O segundo treino livre ficou marcado por uma bandeira vermelha nos minutos finais. Edoardo Mortara teve problemas em sua Mahindra e precisou ser resgatado da pista após estacionar na saída da curva 3. Mitch Evans também foi outro que teve problemas, com a Jaguar investigando uma falha no eixo de transmissão dianteiro do carro #9.

O GRANDE PRÊMIO cobre o eP de São Paulo ‘in loco‘ e com grande equipe ao longo do fim de semana. No sábado, o segundo treino livre começa às 7h15, seguido pela classificação a partir das 9h. A transmissão da corrida começa às 13h. O GP é emissora oficial da Fórmula E no Brasil e transmite todas as atividades de pista AO VIVO e COM IMAGENS no YouTube e no Kwai.

Saiba como foi o TL2 em São Paulo:

A bandeira verde foi dada às 7h30 e os pilotos rapidamente tomaram a pista no Anhembi na manhã de São Paulo. Enquanto os pilotos anotavam suas primeiras voltas, o líder do primeiro treino livre, Mitch Evans, relatava problemas na parte dianteira de sua Jaguar e rapidamente voltou aos boxes.

Com os primeiros tempos marcados, Pascal Wehrlein era o líder, com Jean-Éric Vergne em segundo e Sam Bird em terceiro. Enquanto isso, a Jaguar seguia trabalhando no eixo dianteiro direito de Evans em busca de colocar o neozelandês de volta na pista.

Se Mitch não estava tendo uma de suas melhores manhãs, seus companheiros de Jaguar e Envision pularam para a ponta, com Nick Cassidy em primeiro e Robin Frijns logo atrás, mas foi superado por Nico Müller logo em seguida.

Com dez minutos de sessão passados, o restante do top-10 era composto por Wehrlein, Jehan Daruvala, Bird, Sébastien Buemi, Vergne, Stoffel Vandoorne e Jake Hughes.

Jean-Éric Vergne (Foto: DS Penske)

Maximilian Günther assumiu brevemente a ponta com a Maseratti, mas logo foi demovido da liderança pela Andretti de Norman Nato, com o francês marcando o tempo de 1min13s173. Logo em seguida, Wehrlein reassumiu a primeira posição.

A partir do meio da sessão, os pilotos começaram a cravar voltas rápidas e os tempos caíram drasticamente. Os carros com trem de força da Porsche passaram a dominar a classificação, com o atual campeão Jake Dennis assumindo a liderança, seguido por Wehrlein, António Félix da Costa e Nato.

Com dez minutos restantes, foi a vez de Vandoorne assumir a primeira posição, seguido por Dennis, Wehrlein, Da Costa, Nyck de Vries, Nato, Cassidy, Bird, Buemi e Sacha Fenestraz. Evans finalmente conseguiu ir para a pista, mas ocupava a última posição.

Pascal Wehrlein e António Félix da Costa (Foto: Porsche)

Logo em seguida, a direção de prova acionou a bandeira amarela na curva 3 por conta de Edoardo Mortara, que passou reto na primeira curva e acabou tendo que parar sua Mahindra no meio da pista. Mesmo assim, Bird conseguiu anotar a melhor volta do treino com 1min12s773.

Após ficar mais de dois minutos parados na pista, a bandeira vermelha finalmente foi acionada para a retirada do carro de Mortara. A pista foi novamente liberada com apenas um minuto restante e todos os carros, com exceção de Edoardo, rapidamente tomaram a reta do Sambódromo, mas sem oportunidade para melhora dos tempos.

Assim, Bird encerrou a segunda sessão na liderança, com Vandoorne no segundo posto e Oliver Rowland em terceiro com a Nissan.

Fórmula E 2024, eP de São Paulo, TL2, Resultado Final:

Pos.PilotoEquipeTempo
1S BIRDMcLaren1:12.773
2S VANDOORNEDS Penske1:12.872
3O ROWLANDNissan1:12.937
4J DENNISAndretti1:12.943
5P WEHRLEINPorsche1:13.001
6A.F DA COSTAPorsche1:13.003
7N DE VRIESMahindra1:13.093
8S. SETTE CÂMARAERT1:13.125
9N NATOAndretti1:13.173
10J DARUVALAMaserati1:13.225
11S FENESTRAZNissan1:13.279
12N CASSIDYJaguar1:13.517
13R FRIJNSEnvision1:13.567
14S BUEMIEnvision1:13.701
15M GÜNTHERMaserati1:13.807
16N MÜLLERAbt Cupra1:13.823
17E MORTARAMahindra1:13,877
18L DI GRASSIAbt Cupra1:13.963
19J HUGHESMcLaren1:13.979
20J.E VERGNEDS Penske1:14.107
21D TICKTUMERT1:14.171
22M EVANSJaguar1:14.349
Chamada Chefão GP Chamada Chefão GP 🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da Formula E direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.