Indy

Cansado das últimas posições, Karthikeyan cogita mudança para Indy: “Posso ser mais competitivo”

Narain Karthikeyan afirmou que pode se mudar para a Indy na próxima temporada. O piloto ainda estuda a renovação de contrato com a HRT, mas garantiu que vai deixar todas as opções em aberto para o próximo ano

Warm Up / Redação GP, de São Paulo

Narain Karthikeyan pode seguir os passos de nomes como Rubens Barrichello, Justin Wilson e Sébastien Bourdais e trocar a F1 pela Indy na próxima temporada. O indiano, que está em sua segunda temporada na pequena HRT, afirmou que o futuro na F1 é incerto e por isso estuda todas as opções para 2013.

“Eu ainda não decidi nada, mas tenho vários amigos que estão correndo na Indy”, disse o indiano em entrevista ao site do canal americano Speed. “Precisamos ver o que vai acontecer quando a temporada da F1 acabar”, completou.

Karthikeyan admitiu que precisa da permissão da família para voltar aos EUA (Foto: HRT)

A principal motivação do indiano nessa mudança de categoria ser a possibilidade de brigar por melhores colocações que o último lugar ocupado pela HRT na F1. Além disso, o orçamento necessário para competir nos Estados Unidos é muito menor que o pedido pelo pequeno time espanhol de Luis Pérez-Sala.

“Eu sei que a Indy é competitiva”, declarou. “Isso vai depender do que eu quiser fazer e se a minha família vai me permitir mudar para os Estados Unidos. Aqui você sempre vai andar no fim do grid, mas na Indy, com uma equipe média, acho que posso ser muito mais competitivo. Vamos ver o que vai acontecer, pretendo deixar todas as opções abertas”, disse.

Além da possibilidade de brigar por melhores resultados, Karthikeyan também se mostrou interessado nos prêmios em dinheiro e até na possibilidade de receber salário de algumas equipes.

Caso a transferência para a Indy aconteça, essa não será a primeira vez que o piloto indiano vai guiar um carro da categoria. Antes de competir na F1, o asiático testou pela equipe de Eddie Cheever, que na época contava com o apoio da Red Bull, no oval de Phoenix. Karthikeyan completou 60 voltas e deixou uma boa impressão em todos da escuderia.

Em 2010, o piloto retornou aos Estados Unidos, onde participou de algumas etapas da Nascar Truck Series. Apesar de novato, Narain andou na metade do pelotão e foi eleito o piloto mais popular do certame em uma votação aberta ao público.