Newgarden atropela concorrência e varre fim de semana da Indy em Iowa

Mesmo largando de sétimo, Josef Newgarden não teve dificuldades para tirar os rivais da frente e emplacou a quarta vitória em ovais na temporada

Josef Newgarden em ovais é imparável. Mesmo largando da sétima posição, o piloto da Penske rapidamente alcançou o topo e dominou o GP de Iowa 2, disputado neste domingo (23). É a quarta vitória do americano em 2023, que faturou todas as etapas em ovais disputadas até aqui no campeonato. Também foi a sexta vitória do dono do carro #2 em Newton.

Pole-position, o atual campeão Will Power completou o 1-2 da Penske com o segundo lugar, marcando outra dobradinha da equipe no fim de semana. Quem completou o pódio foi o atual líder do campeonato, Álex Palou, da Ganassi, que largou apenas de 12º, mas assegurou o sétimo top-3 da temporada.

Relacionadas


Felix Rosenqvist, de McLaren, chegou a sonhar com a vitória, mas acabou fora do pódio ao ser superado por Power e Palou na relargada final. O neozelandês Scott McLaughlin, que foi segundo no sábado, fechou na quinta posição com a Penske.

O hexacampeão Scott Dixon, da Ganassi, foi o sexto colocado, seguido pela Andretti de Colton Herta. David Malukas, da Dale Coyne, terminou na oitava posição, enquanto Marcus Ericsson e Pato O’Ward fecharam o top-10 no Iowa.

Apesar de largar do top-10, o brasileiro Helio Castroneves terminou apenas na 16ª colocação com a Meyer Shank. O veterano recebeu a bandeira quadriculada duas voltas atrás do vencedor Newgarden.

A Indy retorna em duas semanas com a 13ª etapa da temporada 2023. Será o GP de Nashville, no circuito de rua montado na cidade mais populosa do Tennessee.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch 
clicando aqui!

Saiba como foi o GP de Iowa 2 da Indy:

Largada da Indy em Iowa (Vídeo: Indycar)

A largada aconteceu às 15h30 (de Brasília, GMT-3). Power e McLaughlin dispararam na frente. Ericsson e O’Ward chamaram atenção, passando muitos carros. O sueco subiu ára terceiro após largar de décimo, enquanto O’Ward era sexto após partir de 11º. Rahal e Castroneves foram os piores na partida, caindo para fora do top-10.

A corrida chegou a 25 voltas com Power na liderança, seguido por McLaughlin. Newgarden já aparecia em terceiro, formando 1-2-3 da Penske. Ericsson, Malukas, O’Ward, Dixon, Palou, Herta e Rahal completavam o top-10 em Iowa.

Scott McLaughlin iniciou a pressão sobre Power pela liderança na volta 31. Newgarden se aproveitou da disputa, colocou por dentro na curva 1 e assumiu a ponta pela primeira vez. Will, por sua vez, não segurou a pressão dos adversários e começou a despencar no pelotão, indo parar em quinto. Ericsson também perdeu rendimento, caindo para sétimo.

Josef Newgarden faz linda ultrapassagem dupla sobre Will Power e Scott McLaughlin em Iowa (Reprodução: NBC Sports).

A corrida chegou em 50 voltas com Newgarden líder, seguido por McLaughlin, O’Ward, Dixon, Malukas, Power, Ericsson, Palou, Rossi e Rosenqvist. A rodada de pit-stops entre os líderes começou com Malukas e Power, na volta 52. David, inclusive, teve um pit-stop lento e ficou para trás. No 55º giro, vieram Newgarden, McLaughlin, Dixon, O’Ward e Palou.

Após a primeira janela completada, o top-3 era da Penske, com Newgarden, McLaughlin e Power. Dixon era quarto, seguido por Rahal, Malukas, O’Ward, Herta, Ericsson e Kirkwood.

Apesar de ser beneficiado pela estratégia, Power não se segurou muito tempo em terceiro e foi superado por Dixon. Rahal também começou a perder rendimento, ultrapassado por O’Ward, Malukas e Ericsson.

Na marca de 75 voltas, Newgarden carregava 1s7 de distância para McLaughlin, que tinha 3s2 para Dixon. Power, O’Ward, Ericsson, Malukas, Kirkwood, Herta e Palou eram os que completavam o top-10.

Com 87 voltas, finalmente veio a primeira bandeira amarela da corrida, por conta do argentino Agustín Canapino, da Juncos, que brigava por top-10. O argentino raspou no muro, mas evitou danos maiores apesar da desaceleração e seguiu na disputa. Com pits abertos, boa parte do pelotão optou pela segunda parada, incluindo o top-3 formado por Newgarden, McLaughlin e Dixon.

Toque de Canapino no muro (Vídeo: Indycar)

A ordem de relargada tinha Newgarden, McLaughlin, Dixon, O’Ward, Ericsson, Power, Kirkwood, Malukas, Grosjean e Rosenqvist. A bandeira verde surgiu na volta 106. Os líderes se mantiveram sem maiores problemas. Power superou Ericsson e Dixon, pulando para terceiro, enquanto Rosenqvist e Grosjean caíram para fora do top-10.

McLaughlin iniciou grande pressão sobre Newgarden, enquanto Ericsson passou Dixon e recuperou o quarto lugar. O brilho do sueco não durou muito, invertendo posições com o neozelandês pouco tempo depois.

Quem abriu o terceiro ciclo de pit-stops entre os líderes foi Pato O’Ward. Na sequência, vieram Palou, Newgarden, McLaughlin, Dixon e todo o resto do pelotão.

Com todo mundo em 3 pit-stops, Newgarden manteve a liderança, seguido por McLaughlin. Power apareceu em terceiro após ultrapassar O’Ward, com Dixon em quinto. Na volta 157, porém, aconteceu a segunda amarela da corrida, agora por causa de Sting Ray Robb. A roda traseira esquerda do piloto não foi bem encaixada e ficou solta, colocando vários pilotos em risco. Robb acabou desclassificado.

McLaughlin, O’Ward, Kirkwood e Palou optaram por antecipar o quarto pit-stop. A ordem de relargada tinha Newgarden, Power, Dixon, Herta, Rosenqvist, Ericsson, Malukas, Rossi, McLaughlin e O’Ward. A bandeira verde surgiu na volta 168.

De pneus novos, Scott McLaughlin começou a engolir o pelotão na expectativa de se aproximar de Newgarden. Ele chegou rapidamente ao quarto lugar. Perto da volta 194, começou o último ciclo de pit-stops dos líderes, incluindo Josef e McLaughlin, que já tinha 5 paradas no total.

Na marca de 200 voltas, Newgarden tinha a liderança com um surpreendente Rosenqvist em segundo. Power vinha em terceiro, com McLaughlin em quarto, Palou em quinto, Herta em sexto, Dixon em sétimo, Ericsson em oitavo, O’Ward em nono e Malukas em décimo. Felix iniciou a pressão para buscar a vitória, porém, a diferença começou a aumentar assim que os retardatários saíram do caminho.

Power tinha o terceiro lugar com vantagem tranquila para McLaughlin, enquanto Palou surgia no top-5 mais uma vez. Quando tudo parecia encaminhado para o final, foi a vez de Ryan Hunter-Reay causar uma bandeira amarela. Sozinho, ele passou alto na sujeira e tocou o muro. Os pits não foram abertos, mas os retardatários puderam descontar as voltas.

A 10 voltas para o final, Ryan Hunter-Reay acertou o muro e colocou emoção extra no GP de Iowa (Reprodução: NBC Sports).

A relargada aconteceu com 3 voltas para o fim. Rosenqvist esperava brigar pela vitória, mas partiu muito mal e caiu para fora do pódio. Power completou o 1-2 da Penske, enquanto Palou, do nada, roubou um pódio.

Indy 2023, Iowa, Corrida 2:

PosiçãoPilotoEquipeDiferença
1J NEWGARDENPenske Chevrolet250 voltas
2W POWERPenske Chevrolet+0.705
3A PALOUGanassi Honda+2.286
4F ROSENQVISTMcLaren Chevrolet+4.116
5S MCLAUGHLINPenske Chevrolet+7.889
6S DIXONGanassi Honda+1 Volta
7C HERTAAndretti Honda+1 Volta
8D MALUKASDale Coyne Honda+1 Volta
9M ERICSSONGanassi Honda+1 Volta
10P O’WARDMcLaren Chevrolet+1 Volta
11K KIRKWOODAndretti Honda+1 Volta
12R GROSJEANAndretti Honda+1 Volta
13C LUNDGAARDRLL Honda+1 Volta
14C ILOTTJuncos Chevrolet2 Voltas
15A ROSSIMcLaren Chevrolet+2 Voltas
16H CASTRONEVESMeyer Shank Honda+2 Voltas
17C DALYMeyer Shank Honda+2 Voltas
18R VEEKAYCarpenter Chevrolet+2 Voltas
19J HARVEYRLL Honda+3 Voltas
20G RAHALRLL Honda+3 Voltas
21D DEFRANCESCOAndretti Honda+4 Voltas
22S FERRUCCIFoyt Chevrolet+5 Voltas
23E CARPENTERCarpenter Chevrolet+6 Voltas
24R HUNTER-REAYCarpenter Chevrolet+13 Voltas
25T SATOGanassi Honda+13 Voltas
26A CANAPINOJuncos Chevrolet+14 Voltas
27B PEDERSENFoyt ChevroletDSQ
28S RAY ROBBDale Coyne HondaDSQ
Chamada Chefão GP Chamada Chefão GP 🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da Indy direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.