Marini cita aprendizado no Catar: “Começamos muito atrás e atingimos um bom nível”

Piloto da Avintia celebrou o fim da rodada dupla do Catar e se mostrou ansioso para correr em um outro circuito com o protótipo da MotoGP

Assista aos melhores momentos do GP de Doha de MotoGP (Vídeo: GRANDE PRÊMIO com Reuters)

Luca Marini celebrou o fim da rodada dupla do Catar, mas saiu satisfeito com o que conseguiu aprender. O italiano reconheceu que começou muito atrás na MotoGP, mas considerou que conseguiu atingir um bom nível.

No GP do Catar, Marini largou em 18º e ganhou duas posições na corrida. No GP de Doha, segunda etapa de 2021, o italiano se classificou em 13º, mas acabou apenas em 18º e, portanto, segue sem pontuar na temporada.

Com testes e duas corridas no Catar, Luca Marini só guiou MotoGP em Losail (Foto: VR46)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

Apesar do placar, Luca destacou que aprendeu bastante nestas corridas e considerou que terá de intensificar os treinos físicos para lidar com a exigência física da classe rainha do Mundial de Motovelocidade.

“Aprendi muito sobre a moto nestas duas corridas. Sinto-me mais confortável e percebi em que áreas mais terei de trabalhar na academia: a parte superior do meu corpo e, no geral, nos meus braços, para poder melhorar nas mudanças de direção”, disse Luca. “Em relação à corrida, aprendi muito em relação aos pneus. Depois de dez voltas, eles desgastam muito, especialmente do lado direito. Tentei controlar o máximo que podia para poupá-los, mas a pilotagem foi difícil”, seguiu.

Mesmo satisfeito, Marini também celebrou a saída do Catar, já que está ansioso para guiar a Ducati em outro traçado. Por conta da pandemia do novo coronavírus, a MotoGP realizou os testes da pré-temporada também no circuito de Losail.

“Estou feliz que a rodada do Catar tenha acabado, também porque estou feliz em poder correr em uma nova pista em outro país. Certamente não estou feliz com o resultado”, comentou. “A primeira coisa que vou fazer quando voltar para Tavullia é comer pizza, pois sinto muita falta, e aí começar a treinar para estar pronto para Portimão”, avisou.

“Nós começamos muito atrás e agora atingimos um bom nível. Vai ser interessante quando a mudar a pista, pois será a minha primeira vez com a MotoGP em uma pista que não seja o Catar. Será interessante ver a diferença em relação os líderes e se eu ficarei imediatamente feliz com isso”, indicou. “Agora vai começar um período mais complicado, e é por isso que eu gostaria de ter alcançado resultados melhores no Catar. A Ducati funciona muito bem aqui, então é uma pena que não tenha conseguido atingir tudo que poderia”, concluiu.

LEIA TAMBÉM
⇝ Série à la ‘Drive to Survive’ é impulso necessário para expansão da MotoGP
⇝ WEB STORIE – Pedro Acosta: a nova pérola do Mundial de Motovelocidade
⇝ Zarco acerta ao confiar na Ducati e dá volta por cima após saída tumultuada da KTM
⇝ Miller sucumbe à pressão e derrete favoritismo em rodada dupla da MotoGP no Catar
⇝ Pol Espargaró começa oscilante e deixa Honda longe de Yamaha, Ducati e Suzuki no Catar

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar