Pramac silencia em meio a rumores de acerto com Aldeguer para MotoGP 2025

Chefe da Pramac, Gino Borsoi não quis comentar os rumores de um acerto com Fermín Aldeguer para a temporada 2025 da MotoGP. Dirigente afirmou que o foco da equipe está em Jorge Martín e Fermín Aldeguer

Chefe da Pramac, Gino Borsoi silenciou em meio aos rumores de um acerto com Fermín Aldeguer para a temporada 2025 da MotoGP. O dirigente destacou que o foco da equipe está em Jorge Martín e Franco Morbidelli e na defesa do Mundial de Equipes conquistado no ano passado.

Na quarta-feira (28), horas antes da apresentação da Pramac no Bahrein, a publicação espanhola Motorsport noticiou que Aldeguer, que foi um dos destaques da Moto2 no ano passado, se reuniu com Gigi Dall’Igna, chefe da Ducati Corse, no mês passado e acordou o salto para a classe rainha, ocupando uma das duas vagas na Pramac.

Relacionadas


Martín e Morbidelli têm contrato apenas até o fim deste ano. O espanhol não esconde o desejo de assumir a posição de piloto de fábrica, o que pode culminar com uma saída da Pramac e da própria Ducati. O ítalo-brasileiro, por outro lado, chega ao time neste ano, mas pressionado a mostrar resultados já que ocupou um dos melhores postos do grid em meio a uma má fase na carreira.

Questionado pelo site oficial da MotoGP sobre os rumores de um acerto com Aldeguer, Borsoi manifestou o desejo de apenas falar sobre a temporada que começa no próximo fim de semana: “Honestamente, só quero comentar 2024. Esta é a minha meta”.

VEJA TAMBÉM
▶️
 10 pilotos para ficar de olho na MotoGP 2024

Fermín Aldeguer foi alvo de muitas equipes da MotoGP já no fim de 2023 (Foto: SpeedUp)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

“Eu quero falar sobre os meus pilotos. No momento, eles são os nossos pilotos. Estamos focados nas corridas, focados em tentar levar mais uma vez para o título do Mundial de Equipes. Sabemos que não é fácil, mas temos outra chance. E é isso”, afirmou. “Em relação ao futuro, vamos falar, mas mais tarde”, completou.

Aldeguer já tinha sido alvo do interesse de equipes da MotoGP no ano passado. O adolescente espanhol foi cogitado pela VR46 para substituir Luca Marini e pela própria Honda após a saída de Marc Márquez, mas não pôde subir de classe por conta do contrato que tinha para seguir com a Speed Up na classe intermediária do Mundial de Motovelocidade em 2024.

MotoGP volta a acelerar no final de semana de 7 a 9 de março, em Lusail, no Catar, para a abertura da temporada 2024. O GRANDE PRÊMIO faz a cobertura completa do evento, assim como das outras classes do Mundial de Motovelocidade durante todo o ano.

Bastianini anima na pré-temporada da MotoGP e esquenta briga na Ducati
Chamada Chefão GP Chamada Chefão GP 🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da MotoGP direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.