Quartararo diz que GP de Portugal vai ser “momento para ver potencial” da Yamaha

Depois de vencer o GP de Doha, Fabio Quartararo ficou animado com a M1, moto da Yamaha para 2021, mas acredita que o GP de Portugal, próxima etapa do calendário da MotoGP, vai ser decisivo para entender o equipamento

A Yamaha não deu chances para a concorrência na rodada dupla da MotoGP no Catar. Com vitórias de Maverick Viñales e Fabio Quartararo, a montadora japonesa saiu na frente da concorrência com duas conquistas para abrir a temporada 2021.

Para Fabio Quartararo, no entanto, o verdadeiro potência da moto M1 será conhecido apenas em Portimão, no GP de Portugal, palco da terceira etapa do calendário.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

Fabio Quartararo e Maverick Viñales venceram etapas no Catar (Foto: Yamaha)

“Vamos ver em Portimão, que foi uma das pistas mais difíceis para nós [em 2020]. Sem contar o Franco [Morbidelli], que terminou em terceiro, nós [da Yamaha] fechamos em 11º, 12º e 14º. Esse será um momento para ver o potencial de nossa moto”, afirmou o francês.

“Mas veremos em outras corridas. No ano passado, venci as duas primeiras corridas em Jerez, uma delas com oito segundos de vantagem. Então, passo a passo. Andamos duas vezes na mesma pista, então me sinto confiante com a moto. Sinto que podemos ser velozes em qualquer lugar”, completou.

Em Losail, Fabio Quartararo venceu uma corrida, mas terminou a outra em 5º lugar, os mesmos resultados do companheiro Maverick Viñales. Os dois dividem a vice-liderança do campeonato com 36 pontos, atrás do líder Johann Zarco, da Pramac Ducati, com 40.

LEIA TAMBÉM
⇝ Série à la ‘Drive to Survive’ é impulso necessário para expansão da MotoGP
⇝ WEB STORIE – Pedro Acosta: a nova pérola do Mundial de Motovelocidade
⇝ Zarco acerta ao confiar na Ducati e dá volta por cima após saída tumultuada da KTM
⇝ Miller sucumbe à pressão e derrete favoritismo em rodada dupla da MotoGP no Catar
⇝ Espargaró começa oscilante e deixa Honda longe de Yamaha, Ducati e Suzuki no Catar

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube