Rossi admite ciúme da Fórmula 1 em Mugello: “Uma das melhores pistas do mundo”

O italiano da Yamaha lamentou não poder passar pelo circuito em 2020 e afirmou que vai acompanhar a F1 de perto no fim de semana

LEIA TAMBÉM
FOX Sports aguarda acordo de última hora para voltar a transmitir MotoGP no Brasil
Rossi nega aposentadoria e fala em anunciar mudança para Yamaha SRT em Barcelona

Valentino Rossi falou sobre a estreia da Fórmula 1 no circuito de Mugello. O italiano admitiu estar com inveja dos pilotos, pois a MotoGP não vai ter a oportunidade de correr na pista em 2020, mas disse que vai acompanhar a etapa de perto.

Neste final de semana, a principal categoria do automobilismo mundial disputa o GP da Toscana, o primeiro de sua história, e a primeira das três corrida na Itália – as outras duas serão em Monza e Ímola, que retorna ao calendário após 14 anos.

Essa temporada é a primeira desde 1994 que o Mundial de Motovelocidade não vai correr no circuito. “Estou com muita inveja porque não vamos correr em Mugello neste ano. Para mim e muitos outros pilotos, é uma das melhores pistas do mundo para motos e carros”, pontuou o multicampeão.

F1; FÓRMULA 1; GP DA TOSCANA; MUGELLO; SEXTA-FEIRA;
Mugello estreia como circuito do Mundial de F1 nesta sexta-feira (Foto: McLaren)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

“Pilotei um carro da Ferrari duas vezes no circuito e foi incrível, uma vez no molhado, o que foi inacreditável, especialmente [nas curvas] Savelli, Arrabbiata 1 e Arrabbiata 2”, relembrou Valentino, mencionando o teste realizado em 2008.

“Na Arrabbiata 2 você acelera ao máximo o carro a 275 km/h e fica completamente cego, pois é mais baixo na F1 se comparado com a MotoGP, então, você não vê a saída. Acho que vão aproveitar bastante e estou curioso para acompanhar. Acho que a pista é um pouco estreita porque os carros são grandes, mas acredito que todos vão aproveitar”, completou o piloto de 41 anos.

E esse não foi o único comentário que Rossi fez sobre a F1 em Mugello. O italiano avaliou o fim da relação entre Sebastian Vettel e Ferrari, lamentou a má fase e ainda mostrou torcida para o alemão se sair bem na Aston Martin.

GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do GP de San Marino e da Riviera de Rimini, sétima etapa do Mundial de Motovelocidade 2020.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube