MotoGP

Rossi se torna primeiro piloto 'quarentão' a alcançar pódio na classe rainha do Mundial em mais de quatro décadas

Ao conquistar o segundo lugar no GP da Argentina do último fim de semana, Valentino Rossi se tornou o primeiro piloto em mais de quatro décadas a alcançar o pódio da classe rainha do Mundial de Motovelocidade depois de completar 40 anos

Grande Prêmio / JULIANA TESSER, de São Paulo
Resultado de imagem para valentino rossi 46 Quase 400 GPs, nove títulos e recordes: os 23 anos de Rossi no Mundial
🏍️ Confira a classificação da MotoGP após o GP da Argentina

Valentino Rossi conseguiu um feito e tanto no último fim de semana. Ao conquistar o segundo posto no GP da Argentina, o #46 se tornou o primeiro piloto em mais de quatro décadas a alcançar o top-3 da classe rainha depois de completar 40 anos.
 
Antes de Rossi, o último quarentão a subir ao pódio da divisão principal do campeonato tinha sido Jack Findlay, que, 41 anos, dez meses e 30 dias antes, em 1 de maio de 1977, venceu o GP da Áustria, em Salzburgring, aos 42 anos, dois meses e 27 dias.
 
No domingo, quando superou Andrea Dovizioso para ficar com o segundo lugar em Termas de Río Hondo, Rossi tinha 40 anos, um mês e 15 dias.
Valentino Rossi encerrou um jejum de quarentões no pódio da MotoGP (Foto: Yamaha)
Resultado de imagem para emoji microfonePaddockast #12: Quem sobrevive a 'Drive to Survive'?



Resultado de imagem para icon itunes Ouça pelo iTunes 
Resultado de imagem para icon spotify Ouça pelo Spotify


Além disso, Rossi foi, também, o primeiro piloto a subir no pódio de qualquer uma das classes do Mundial de Motovelocidade depois dos 40 anos desde que Marcellino Lucchi ficou com o terceiro lugar em Brno na prova das 250cc de 1998 aos 41 anos, cinco meses e oito dias.
 
Em termos gerais, Valentino foi apenas o 14º piloto a terminar um GP no pódio da classe rainha depois de completar 40 anos. 
 
A lista de pilotos mais velhos a subir no pódio da MotoGP/500cc é liderada por Karl Hoppe, que tinha 46 anos, três meses e 26 dias ao conquistar o segundo lugar no GP da Alemanha Ocidental de 1969. Fergus Anderson (em 1954), Ernst Hiller (em 1973), Nello Pagani (em 1954), Jack Findlay (em 1977), Jack Ahearn (em 1966), Leslie Graham (em 1952), Percy Tait (em 1970), Enrico Lorenzetti (em 1951) e Robin Fitton (em 1968) também aparecem à frente do #46 na lista dos competidores mais velhos a alcançar o top-3 na elite da motovelocidade.
 
Uma curiosidade: o piloto mais jovem a subir no pódio da classe principal segue sendo Randy Mamola, que ficou com o segundo lugar em Imatra no GP da Finlândia de 1979 aos 19 anos, oito meses e 19 dias.