Rossi vê momento como ideal para aposentadoria, mas pontua: “Não estou feliz”

Valentino Rossi mostrou estar em paz com a decisão de abandonar as pistas no fim de 2021. Mesmo assim, fez questão de pontuar que este é o momento ideal e que não poderia seguir para outro ano na MotoGP

Como tinha prometido, Valentino Rossi voltou das férias da MotoGP com uma decisão sobre seu futuro na categoria. Em uma breve coletiva de imprensa no Red Bull Ring, anunciou que vai abandonar o esporte no fim da atual temporada.

Com 42 anos e diversos títulos no Mundial de Motovelocidade, Rossi admitiu que a decisão de parar não foi das mais fáceis e que não estava preparado para pendurar o capacete em anos anteriores, mas que agora se encontra em situação mais fácil para tomar a decisão.

“Dois anos atrás e ano passado, eu não estava pronto para aposentar da MotoGP porque eu tenho que entender e tentar tudo. Mas, agora, eu estou ok. Estou em paz”, afirmou.

Valentino Rossi vai deixar a MotoGP no fim deste ano (Foto: SRT)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

“Não estou feliz, com certeza. Se eu faço outro ano, em 2022, não estaria feliz neste mesmo momento. Logo, acho que este é o momento certo. Tenho ainda metade da temporada para ser mais forte do que no começo e vou tentar dar o meu melhor, mas acho que é a escolha correta”, completou.

A decisão pela aposentadoria marca um ponto final em uma das trajetórias mais memoráveis, vitoriosas e marcantes da MotoGP. Com um jeito cativante e por vezes até debochado, Rossi conquistou a torcida com comemorações incomuns e foi um dos grandes responsáveis pela popularização de esporte.

Apesar de ter uma moto do ano, Valentino não conseguiu achar performance e fez uma primeira metade de temporada muito aquém daquilo que já mostrou ser capaz. Descontente com a própria atuação, o dono de 89 vitórias na MotoGP decidiu que é hora de partir.

Agora, Valentino tem o restante da temporada para tentar deixar uma imagem melhor na despedida. Mas vai sair de cena como um dos principais nomes da história do esporte e com um legado impactante e memorável. A aposentadoria, contudo, não é um adeus definitivo, já que o italiano seguirá presente no paddock com a VR46 e seus muitos pupilos.

A MotoGP volta à ativa neste fim de semana após cinco semanas de férias. O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do GP da Estíria, décima etapa do Mundial de Motovelocidade 2021.

LEIA TAMBÉM
Aos 42 anos, Rossi vê competitividade minguar e se aproxima da aposentadoria da MotoGP
Rossi segue em queda na MotoGP e acumula piores resultados da gloriosa carreira

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar