Zarco diz ser “absurdo que me penalizem” por acidente na Áustria: “Não fiz nada louco”

O francês da Avintia apontou que não teria como fazer nada de diferente no toque com Franco Morbidelli e apontou que não vai mudar seu estilo de pilotagem

Johann Zarco disse crer que não fez nada que mereça punição pelo acidente do GP da Áustria. O francês voltou a falar do incidente e destacou que não teria como tomar nenhuma decisão diferente da que foi feita, descartando qualquer lance perigoso de sua parte.

Na última semana, o piloto da Avintia esteve imerso em uma polêmica. Quando brigava por posição com Franco Morbidelli no Red Bull Ring, acabou tocando o ítalo-brasileiro, provocando a queda de ambos na nona volta da disputa.

Apesar de os pilotos rodarem e pararem na caixa de brita, suas motos voltaram com velocidade para o traçado, bem no momento que Maverick Viñales e Valentino Rossi passavam pelo local no momento. A dupla escapou por um triz de ser acertada e o lance rendeu fortes críticas, como Franco chamando o adversário de ‘meio assassino’ e o italiano da Yamaha dizendo ter sido proposital.

“É um absurdo que me penalizem. Os comissários me perguntaram como poderia evitar o acidente, e não sei. Já repeti que não fiz nenhuma loucura. Se tivesse freado antes, teria sido mais perigoso porque Franco estava atrás. Na verdade, é ele quem deveria ter antecipado porque podia me ver”, disse Zarco.

Zarco foi duramente criticado pelo acidente (Foto: Divulgação/MotoGP)

“Sabia que muitos estariam me criticando, mas estive muito ocupado organizando a operação, então fiquei longe das redes sociais. Basicamente, os pilotos que dizem que fiz algo ruim foram Valentino e Franco, por isso fui falar com eles imediatamente após a queda”, completou.

O competidor ainda afirmou que o problema não é a sua forma de pilotagem. “Não vou mudar nada. É muito fácil concentrar toda a raiva em uma pessoa que, além disso, não está em seu melhor momento porque vem de uma temporada complicada, com muitos problemas. Não é fácil voltar a escalar essa montanha”, encerrou.

Na quinta-feira, Morbidelli e Zarco foram chamados pelo painel de comissários da FIM [Federação Internacional de Motociclismo] para darem suas versões sobre o acidente. Entretanto, a decisão sai nesta sexta-feira.

E Johann não escapou ileso da forte queda. O francês acabou com uma fratura no punho, precisando passar por operação. Por conta da lesão, não foi liberado para participar dos primeiros treinos do GP da Estíria.

Veja as fotos do assustador acidente do GP da Áustria de MotoGPclique na imagem abaixo.

Franco Morbidelli e Johann Zarco após o acidente no GP da Áustria (Foto: Divulgação/MotoGP)

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO? Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.
Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.
Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar