Mercedes diz que menor potência do motor “não explica diferença” para Red Bull

A Mercedes confirmou que diminui a força de seu motor durante o final de semana em Abu Dhabi, mas que nem isso explica a diferença dos carros da equipe para o vencedor Max Vestappen

A Mercedes disputou todo o final de semana do GP de Abu Dhabi com a potência de seu motor menor que a usual. A consequência foi a derrota para a Red Bull: Max Verstappen fez a pole e dominou a corrida. Bem, ao menos em teoria, já que a equipe alemã diz que a diminuição não justifica a distância para o rival.

Andrew Shovlin, engenheiro de pista da Mercedes, afirmou que a perda de potência foi baixa, longe de ser o suficiente para determinar, por conta própria, o resultado da corrida.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Lewis Hamilton em Abu Dhabi (Foto: Mercedes)

“Estamos falando de menos de um décimo por segundo, então é algo menor do que a diferença do primeiro para o segundo”, disse Shovlin. Verstappen bateu Bottas, o segundo colocado, por 15s976, após 55 voltas.

A Mercedes já havia admitido a diminuição da potência antes do GP, com Toto Wolff, chefe da equipe, afirmando que gota d’água para a decisão foi a fumaça que anunciou o princípio de incêndio na traseira do carro de George Russell durante o segundo treino livre em Abu Dhabi, na última sexta-feira.

Após análise de Williams e Mercedes, a conclusão foi de que o problema começou no MGU-K, o motor gerador de energia. A mesma parte também causou incêndio e custou um pódio a Sergio Pérez duas semanas atrás, no GP do Bahrein. Tanto William como Racing Point, claro, utilizam motores Mercedes.

Valtteri Bottas foi o segundo colocado em Abu Dhabi (Foto: Mercedes)

“Eu diria que em vez de conhecermos um problema em específico, estamos operando de forma conservativa, para que possamos evitar um problema. Quando você não entende todo o problema, o que pode fazer é ser cuidadoso”, continuou Shovlin.

“Durante a corrida estávamos tentando reduzir a potência, mas os pilotos não necessariamente precisavam ser avisados. Era apenas algo que estávamos tentando lidar nos bastidores”, completou.

De fato, tanto Lewis Hamilton como Valtteri Bottas foram pegos de surpresa com a notícia, avisados sem querer por Verstappen na entrevista pós-corrida.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube