McLaughlin celebra exaustiva primeira vitória na Indy: “Não consigo acreditar”

Scott McLaughlin venceu a primeira prova da carreira na Indy em São Petersburgo, e agradeceu a todos que o apoiaram na mudança da Austrália para os Estados Unidos

GUIA INDY 2022: FAVORITOS, NOVATOS E EXPECTATIVAS

Scott McLaughlin conquistou sua primeira vitória na Indy neste domingo (27), na abertura da temporada de 2022 em São Petersburgo, na Flórida. O neozelandês largou na ponta, administrou bem a corrida e suportou a pressão do espanhol Álex Palou nas voltas finais da prova.

A corrida drenou as energias de McLaughlin, que demonstrava sinais de exaustão após a etapa. O piloto da Penske inclusive caiu ao descer do carro para comemorar o primeiro triunfo na categoria.

“Ah, cara, foi maluco, lutei muito nas últimas voltas contra o cansaço, tive que manter a cabeça no lugar e administrar o combustível”, lembrou Scott McLaughlin em entrevista à NBCSN. “Mas nós conseguimos, a Chevrolet nos ajudou com o combustível e a dirigibilidade, foi uma grande mudança”, agradeceu o neozelandês.

LEIA TAMBÉM
+GUIA 2022: O’Ward e Herta saem em busca de título para seguir sonho de alcançar F1
+GUIA 2022: Penske atrás de reação, Andretti renovada e Ganassi no topo do grid da Indy 

+GUIA 2022: Indy entra em batalha de gerações com Palou favorito ao bicampeonato
+GUIA 2022: Castroneves disputa temporada completa por desafio de título

Scott McLaughlin caiu no chão ao sair do carro (Foto: Indycar)

 ▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

“Te amo Austrália, Nova Zelândia, estou com saudades de vocês! Obrigado a todos em Queensland! Ah, não consigo acreditar!”, completou o piloto da Penske.

O piloto de 28 anos está apenas em sua segunda temporada completa na categoria. No último ano, teve como melhor resultado um segundo lugar no GP de Texas. Após a vitória na Flórida, ele lembrou a trajetória dos campeonatos de turismo na Austrália até chegar e se estabelecer nos Estados Unidos.

“Tenho que agradecer à DEX Imaging que veio e confiou em mim, e ao Roger Penske por me dar a oportunidade de vir para cá”, afirmou McLaughlin. “Eu sinto muita saudade do meu pai e da minha mãe, queria que eles estivessem aqui. Que grande dia”, disse o neozelandês.

Com a vitória, McLaughlin lidera a temporada da Indy, que retorna para o GP de Texas no dia 20 de março.

GUIA INDY 2022: FAVORITOS, NOVATOS E EXPECTATIVAS
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar