Engolido na reta final, Mir fica bravo e sem pódio no Catar: “Quis destruir tudo”

Atual campeão do mundo, Joan Mir ficou irritado na sua primeira prova como defensor do título: nos metros finais do GP do Catar, perdeu o segundo lugar e caiu para quarto ao ser ultrapassado por Johann Zarco e Francesco Bagnaia

Assista aos melhores momentos do GP do Catar de MotoGP (Vídeo: GRANDE PRÊMIO com Reuters)

Se Maverick Viñales teve atuação impecável para levar o GP do Catar do último domingo )28), logo atrás do piloto da Yamaha um duelo de marcas foi empolgante até o final: Joan Mir chegou aos metros finais com sua Suzuki à frente de Johann Zarco e Francesco Bagnaia e suas Ducati – mas quem se deu mal foi o atual campeão do mundo.

Mir foi engolido na reta final do Catar por Zarco e Bagnaia e terminou sua primeira prova defendendo o título apenas em quarto. Não à toa, o espanhol ficou bastante irritado ao fim do GP.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

Joan Mir (Foto: Suzuki)

“O quarto lugar não foi o resultado que eu esperava, e mostrei na última volta que não queria tal posto. Eu queria o melhor resultado possível, pois o quanto mais de pontos eu coletar agora, melhor. Mas estou feliz com a sensação de pilotar, fui bem, fiz curvas do jeito certo. Foi diferente do resto do final de semana”, Mir começou a analisar seu desempenho no Catar.

“Vi a linha de chegada e aí dois foguetes me ultrapassaram. Foi um pouco frustrante, mas eu dei 100% e na próxima já sei o que devo fazer. Abri um pouco demais, mas normalmente você faz isso para conseguir mais velocidade no final, mas não foi o suficiente. Fiquei um pouco surpreso porque esperava uma Ducati, não duas. Mas Pecco estava incrivelmente rápido na reta. Ambos pilotaram muito bem e a moto deles é um animal. Fizeram um grande trabalho, não é só a moto, claro”, continuou.

Depois da classificação (largou só em 10°) eu quis destruir tudo, mas eu sei que não é a coisa correta a se fazer porque todo mundo na garage, quer tornar as coisas melhor. Eles querem fazer tudo por você. Não são culpados. Então é importante eu me controlar nestes momentos”, finalizou Mir.

A MotoGP volta já no próximo final de semana, no mesmo circuito de Losail, com o GP de Doha, capital do Catar.

GUIA MOTOGP 2021
⇝ MotoGP chega igual, mas diferente em campeonato condicionado por pandemia
⇝ Conheça quem são as equipes e pilotos para a temporada 2021 da MotoGP
⇝ Suzuki segue vida sem Brivio e tenta feito do bicampeonato na MotoGP em 2021
⇝ MotoGP volta com mistério: Marc Márquez retorna após três cirurgias? E como?
⇝ Honda aposta em encaixe de Pol Espargaró por encerramento de série de insucessos
⇝ Mir defende título da MotoGP para mostrar que conquista de 2020 não foi acaso
⇝ Quartararo precisará de regularidade e cabeça no lugar para substituir Rossi
⇝ Bastianini, Marini e Martín sobem para MotoGP com promessa de briga parelha
⇝ Yamaha rejuvenesce com Viñales e Quartararo e busca consistência na M1
⇝ Aos 42 anos, Rossi tem recomeço na MotoGP com SRT. Mas qual será o futuro?
⇝ Pol Espargaró tem chance da vida na MotoGP. Assustar Márquez é outra história
⇝ Equilíbrio também deve ser a marca nas categorias de apoio à MotoGP
⇝ Ducati faz mudanças arriscadas para deixar decepções de 2020 no passado
⇝ Aprilia ‘inventa’ Savadori e coloca tudo nas costas de Aleix Espargaró
⇝ VR46 dá primeiro passo na MotoGP ainda sem dizer se veio para ficar
⇝ Sucesso da Academia VR46, Morbidelli tenta aproveitar garagem com Rossi

Siga o GRANDE PRÊMIO nas redes sociais:
YouTube | Facebook | Twitter Instagram | Pinterest | Twitch | DailyMotion

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar