“Talentoso e promissor”: mundo do esporte a motor reage à morte de Dupasquier

Comovidos pela morte em decorrência do forte acidente sofrido em Mugello, pilotos, equipes e personalidades do esporte a motor prestaram as últimas homenagens a Jason Dupasquier nas redes sociais

Jason Dupasquier sofre acidente grave no fim da classificação da Moto3 em Mugello (Vídeo: Reprodução)

O mundo do esporte a motor está de luto neste domingo (30) e se comoveu profundamente com a morte de Jason Dupasquier. O piloto de apenas 19 anos fazia a segunda temporada na Moto3 e não resistiu aos ferimentos do grave acidente sofrido na classificação da categoria em Mugello.

Dupasquier corria pela PrüstelGP e caiu no fim do treino classificatório do GP da Itália. O suíço perdeu o controle da moto na Arrabbiata 2, a nona curva do traçado da Toscana, e foi atingido por Ayumu Sasaki em um assustador acidente. O japonês da Tech3 decolou e foi parar no gramado ao lado da pista.

O piloto da Prüstel, porém, ficou imóvel, parado no meio do circuito italiano, onde recebeu atendimento médico imediato. A equipe do autódromo sequer transferiu Jason para o centro médico local e tratou de estabilizá-lo ainda do asfalto antes de transferi-lo direto para o helicóptero que o levou ao hospital.

Jason Dupasquier morreu aos 19 anos (Foto: Prüstel Team)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

A morte de Dupasquier gerou uma enxurrada de mensagens e homenagens do mundo do esporte a motor, sobre duas ou quatro rodas, nas redes sociais. A MotoGP foi a primeira a comunicar o falecimento do piloto e disse estar “profundamente triste”.

Em nota, a KTM enviou uma breve declaração sobre a perda do jovem piloto: “Os membros de toda a fábrica querem expressar seus sentimentos de simpatia e condolência para familiares e amigos de Jason Dupasquier e para a equipe Prüstel. O talentoso, agradável e promissor jovem suíço possuía fortes conexões familiares com a KTM”.

No mundo das motos, ex-pilotos prestaram homenagens ao piloto. “Estou triste por ouvir essa notícia”, disse o bicampeão Casey Stoner. Scott Redding, ex-piloto da MotoGP e atualmente no Superbike, chamou a notícia de “devastadora”. Nomes como Jorge Lorenzo e Dominique Aegerter também enviaram mensagens.

Além disso, os competidores do grid atual fizeram um minuto de silêncio antes da etapa em Mugello. Pilotos e equipes de outras categorias também se solidarizaram com o doloroso momento no esporte.

LEIA TAMBÉM
⇝ Jason Dupasquier, 2001 – 2021
⇝ Foggia segura Masià na linha de chegada e vence GP da Itália na Moto3. Acosta é 8º

Gardner bate Raúl Fernández por só 0s014 e vence GP da Itália de Moto2

Confira abaixo as homenagens feitas a Dupasquier:

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar