5 coisas que aprendemos no lançamento da A524, novo carro da Alpine para F1 2024

A Alpine apresentou ao mundo, nesta quarta-feira (7), o carro com que vai disputar a temporada 2024 da Fórmula 1. Ao contrário do que já visto até aqui, a marca francesa, de fato, exibiu o modelo real, que surgiu em linhas mais agressivas e uma nova pintura. O objetivo é entrar no top-5

A Alpine tomou a fábrica em Enstone, na Inglaterra, como palco do lançamento do carro para a temporada 2024 da Fórmula 1. É o quarto time a apresentar o projeto deste ano, mas ao contrário das rivais, a esquadra francesa, de fato, mostrou o modelo que vai entregar nas mãos de Esteban Ocon e Pierre Gasly a partir do fim deste mês, no Bahrein.

Para isso, a A524 chegou mais agressiva e com diversos elementos revisados, incluindo o sistema de suspensão, a lateral, assoalho, além da parte dianteira. Chamou a atenção também a pintura, que agora estampa um design mais arrogado. A equipe ainda chefiada por Bruno Famin dividiu os holofotes com o modelo do hipercarro A424 para o Mundial de Endurance.

Há muito o que falar da apresentação gaulesa. Por isso, GRANDE PRÊMIO traz cinco coisas que aprendemos no evento da Alpine:

Apresentação simples e direta

O objetivo da equipe comandada interinamente por Bruno Famin é voltar a brigar entre os cinco primeiros e tentar repetir o quarto lugar de 2022 (Foto: Alpine)

A Alpine optou por uma cerimônia pouco luxuosa e mais discreta para apresentar ao mundo a A524. A equipe francesa escolheu a fábrica em Enstone, na Inglaterra, para exibir o novo carro. Foi um evento que contou também com o lançamento do modelo com o qual a marca vai disputar o WEC em 2024. Tudo muito pragmático.

Sem enrolar ou mostrar imagens computadorizadas, a Alpine também evitou repintar um carro antigo. E o que mais chamou a atenção de imediato foi o fato do carro perder a cor azul e aparecer majoritariamente na cor preta, com detalhes em azul e pequenos ajustes em rosa.

E como de costume, a Alpine também revelou uma segunda pintura, ainda mais preta, mas com quase todos os detalhes não-pretos na cor rosa.

Mais do que pintura, um carro de verdade

Também é preciso reforçar aqui que a Alpine mostrou um carro real, aquele que será visto daqui a poucos dias nas pistas. O modelo tem linhas e soluções muito diferentes do antecessor, deixando evidente o trabalho intenso da fábrica, apesar dos problemas administrativos enfrentados no ano passado.

E diferente do que parece ser uma tendência, a esquadra gaulesa evitou seguir os conceitos tão bem aplicados da Red Bull. Os engenheiros procuraram uma identidade própria e revisaram boa parte dos elementos fundamentais do carro.

Ficou nítido o trabalho aerodinâmico e a busca por eficiência. A asa dianteira é menos inclinada em direção ao solo e conta com bico mais arredondado, o que casa com as alterações bastante agressivas na região do assoalho.

A entrada de ar lateral também ficou visivelmente redesenhada e muito maior para facilitar o fluxo do ar para a parte traseira, ao passo que as barbatanas laterais praticamente sumiram. Os sidepods também foram refeitos. Houve um trabalho no sistema de suspensão e tampa de motor, além do assoalho.

É um projeto que desperta atenção, sem dúvida.

GALERIA
Alpine economiza na pintura e revela A524 preto com paralelogramos azuis e rosas

Alpine tenta afastar crise

A Alpine ainda atravessa uma fase de mudanças internas e reestruturação, depois de demitir diversos nomes importantes do grupo em 2022.  Famin ainda segue como chefe do time, apesar do caráter interino, mas a esquadra se esforçou em fortalecer os laços entre as sedes na França e na Inglaterra. Reposicionou alguns setores e agora tentar se recuperar, adotando nova abordagem, “mais ousada” e preparação.

Inclusive, Famin foi muito franco em falar sobre a reorganização da equipe e citou até mesmo o antigo chefe, Otmar Szafnauer. Segundo o diretor da Alpine, a incompatibilidade de pensamentos foi a responsável pela saída do dirigente. Mas que agora o grupo caminha numa única direção.

“É um grande momento para a Alpine se unir e apresentar oficialmente seus programas para a temporada de 2024. É um momento único ter o carro de Fórmula 1 A524 e o hipercarro A424 junto com todos os pilotos na mesma sala. 2024 vai ser um ano intenso. O próximo passo é trabalhar bem na pista, aplicando a excelência operacional em todos os níveis e desenvolver uma maior dinâmica nas nossas equipes. Estamos ansiosos para continuar o trabalho”, falou o dirigente, durante a apresentação.

Esteban Ocon e Pierre Gasly seguem na Alpine para 2024 (Foto: Alpine)

Alpine inova para tentar o top-5

Ainda que a Alpine tenha evitado colocar uma meta clara durante a apresentação, parece evidente que o objetivo é entrar no top-5. A temporada passada foi uma enorme decepção para os franceses, que sofreram uma queda vertiginosa, quando passaram do quarto lugar em 2022 para o sexto no último ano. Por isso, a aposta em uma revisão total, do carro à estrutura geral.

É claro que as mudanças no carro são as mais visíveis. Do design ao novo conceito aerodinâmico. De fato, a esquadra tem muito para desenvolver, uma vez que não tem clientes no grid.

Dupla francesa em novo ano

Depois de um primeiro ano mais voltado para a adaptação e sem grandes incidentes, a expectativa em cima da dupla Esteban Ocon e Pierre Gasly ganha corpo em 2024. Melhor ambientado um ao outro, será interessante acompanhar a dinâmica dos dois franceses, que tem caraterísticas muito semelhantes e, ao mesmo tempo, diferentes. Pilotos de enorme talento, são o trunfo máximo da Alpine.

Fórmula 1 retorna às pistas de 21 a 23 de fevereiro, com os testes coletivos da pré-temporada no Bahrein, no circuito de Sakhir.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da Fórmula 1 direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra, Escanteio SP e Teleguiado.