Haas prega “tranquilidade” e vê Hülkenberg adaptado, mas despista sobre renovação

Chefe da Haas, Guenther Steiner elogiou o início de temporada de Nico Hülkenberg e disse que a manutenção dos pilotos seria importante para o ambiente da equipe. Porém, o dirigente revelou que a escuderia americana irá avaliar as opções antes de definir sobre renovação

O contrato de Nico Hülkenberg com a Haas termina no fim de 2023 e a escuderia americana pretende olhar para o mercado e estudar as opções antes de definir se o vínculo com o piloto alemão será renovado ou não. É o que contou o chefe da equipe, Guenther Steiner, nesta terça-feira (18).

De acordo com o italiano, Hülkenberg tem feito um bom início de temporada em 2023 na Fórmula 1 e por isso seria confortável a renovação, já que mudar os pilotos da equipe não é uma tarefa simples de se fazer. Porém, a Haas quer assegurar que está feliz com o trabalho do veterano de 35 anos, e este balanço só poderá ser feito no segundo semestre.

Relacionadas


“Vai depender se estaremos felizes com ele ou não. Também temos de ver quais alternativas existem, é disso que se trata. Às vezes é importante manter o status quo e ter um pouco de paz e tranquilidade em casa, mas não falamos sobre pilotos ou renovações neste momento”, disse Steiner ao portal Motorsport Week.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Hülkenberg terminou o GP da Austrália em sétimo, o melhor resultado da Haas até aqui em 2023 (Foto: Haas F1 Team)

Um trunfo para o dono do carro #27 pode ser o bom relacionamento com os engenheiros e com o companheiro de equipe, Kevin Magnussen. Pelo menos, é o que avaliou Steiner na mesma entrevista, citando a maturidade do alemão.

“Acho que Nico [Hülkenberg] está confortável conosco. A equipe e os engenheiros adoram trabalhar com ele. Ele ajuda muito a equipe trazendo experiência para nos levar mais longe. Nico está se adaptando muito, muito bem. É um profissional, já fez isso antes e essa é uma das razões pelas quais ele voltou. Ele se dá bem com Kevin [Magnussen], têm um bom relacionamento profissional, ambos são pilotos maduros agora, então eles sabem o que esperar deles e eles cumprem”, avaliou Steiner.

Hülkenberg conseguiu o sétimo lugar no GP da Austrália, realizado no último dia (2), o melhor resultado da Haas no temporada até o momento. O alemão ocupa a nona colocação no Mundial de Pilotos e tem 5 pontos a mais que Magnussen, que é o 17º. Já a escuderia americana é a sétima no Mundial de Construtores.

A Fórmula 1 volta às pistas nos dias 28 a 30 de abril, para o GP do Azerbaijão, no circuito de rua de Baku. O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades AO VIVO e EM TEMPO REAL.

Chamada Chefão GP Chamada Chefão GP 🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da Fórmula 1 direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.