Hamilton cria comissão para promover diversidade no esporte a motor

Lewis Hamilton segue engajado na mudança do cenário do automobilismo. Agora, o inglês tem trabalhado para criar comissão para promover a diversidade no esporte

Lewis Hamilton tem começado a dar os primeiros passos para mudar o cenário do esporte a motor mundial. O inglês revelou a criação de uma Comissão para promover a diversidade dentro do automobilismo.

O hexacampeão tem se mostrado cada vez mais engajado em assuntos de grande importância. Nas últimas semanas, tem sido bastante verbal sobre temas como o racismo, tanto pegando o assassinato de George Floyd, nos Estados Unidos, quanto episódios que passou durante sua vida, como exemplos.

Sempre deixando clara sua vontade de mudar o automobilismo, começou a se mexer para ver a mudança. “Tenho trabalhado com a Academia Real de Engenharia para criar a Comissão Hamilton”, disse em entrevista ao Sunday Times.

“Uma parceria de pesquisa para explorar como o esporte a motor pode ser usado como veículo para envolver mais jovens de origens pretas em assuntos de ciência, tecnologia, engenharia e matemática [com sigla STEM] e, finalmente, empregá-los em nossas equipes em setores da engenharia”, emendou.

Hamilton está em constante busca de tornar o esporte mais inclusivo (Foto: Mercedes)

“[A comissão] Vai explorar áreas como a falta de modelos e serviços de carreiras nas escolas e oportunidades para envolver mais jovens pretos em atividades STEM extracurriculares”, seguiu o inglês.

“Além disso, [vai explorar] barreiras que impedem pessoas das mais diversas origens a ingressarem na indústria das corridas, além de práticas problemáticas de contratação que resultam em menos pretos formados entrando nas profissões de engenharia”, completou o #44.

O objetivo da comissão, de acordo com Hamilton, é tornar o esporte a motor mais diversificado. “Espero que a Comissão Hamilton permita uma mudança real, mensurável e tangível”, apontou.

“Daqui a 20 anos, espero ver o esporte que deu a um garoto tímido, trabalhador de Stevenage tantas oportunidades, se torne tão diverso, complexo e multicultural quanto o mundo em que vivemos”, encerrou o piloto de 35 anos.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube