Mercedes corrige problema em software e ganha autorização para correr em Diriyah

Um problema de software levou à falha dos freios de Edoardo Mortara, piloto da Venturi, cliente da Mercedes na FE. A marca alemã resolveu tudo e garantiu as duas equipes na prova

As equipes com trem de força da Mercedes vão, no fim das contas, participar do eP de Diriyah deste sábado (27). Depois do susto no problema de freios com Edoardo Mortara no treino livre, a montadora alemã conseguiu convencer a direção de prova de que tanto seus carros quanto os da cliente Venturi são seguros a ponto de competir normalmente.

A Mercedes esclareceu que o problema no sistema de freios foi causado por uma falha no software do carro. Como isso ainda não estava claro no momento do acidente de Mortara, os carros da Mercedes e da Venturi tiveram participação vetada na classificação. A presença na corrida está garantida, mas largando do fim do grid.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Edoardo Mortara teve um acidente forte após falha nos freios (Foto: Fórmula E)

GUIA DA FE 2021
➠ Fichas: equipes e pilotos
➠ Em ano crucial, Di Grassi e Sette Câmara são coadjuvantes
➠ Da Costa e DS Techeetah dominam. Alguém tem resposta?
➠ Saídas de Audi e BMW machucam, mas não matam FE
➠ Com regulamento igual, calendário vira grande novidade

“O sistema de freios da Fórmula E é desenvolvido de forma que, caso os freios dianteiros falhem, os traseiros são acionados”, explicou a Mercedes via comunicado. “Nesse caso, um parâmetro incorreto de software significou que os freios traseiros não foram acionados quando necessários. Já corrigimos o problema no software e mostramos à FIA que o problema foi resolvido. Assim, a FIA vai permitir que todos os carros com trem de força da Mercedes participem da corrida”, seguiu.

A confirmação garante Nyck de Vries e Stoffel Vandoorne, da Mercedes, e Norman Nato, da Venturi, na corrida. A última incerteza é o próprio Mortara: o suíço teve de ir ao hospital, onde foi examinado e já liberado. A equipe monegasca deixou na mão do piloto a decisão de correr ou não, a qual ainda não foi divulgada ao público.

A corrida 2 em Diriyah tem Robin Frijns na pole-position. Sérgio Sette Câmara completa a primeira fila após uma classificação surpreendentemente boa.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube