Confira declarações dos pilotos após sexta-feira de treinos livres do GP da Estíria de F1

A sexta-feira em Spielberg foi marcada pela baixa temperatura e os experimentos com novos pneus. Lewis Hamilton foi o mais rápido. Veja as declarações

Verstappen domina e vence na casa da Red Bull: os melhores momentos do GP da Estíria (GRANDE PRÊMIO com Reuters)

A sexta-feira (2) de treinos livres para o GP da Áustria teve a Mercedes no topo com o 1-2 formado por Lewis Hamilton e Valtteri Bottas. Líder do Mundial, Max Verstappen foi terceiro colocado, seguido pelas Aston Martin de Lance Stroll e Sebastian Vettel.

Com pneus diferentes em relação ao GP da Estíria, os pilotos comentaram os desempenhos variados em comparação com a semana passada, além da influência das baixas temperaturas em Spielberg.

GRANDE PRÊMIO acompanha o GP da Áustria, nona etapa da temporada 2021, AO VIVO e em TEMPO REAL. Acompanhe toda a cobertura no canal Fórmula 1. A Band e o BandSports transmitem os treinos livres, a classificação e a corridaNão perca a programação da TV deste fim de semana.

Confira as declarações dos pilotos:

Lewis Hamilton, primeiro: Hamilton sente melhora, mas diz que Red Bull tem ‘Modo Festa’: “Não sei de onde vem”

Valtteri Bottas, segundo: Bottas fala em carro “melhor que na semana passada”, mas vê Red Bull ainda à frente

Max Verstappen, terceiro: Verstappen destaca força da Mercedes na Áustria: “Mais rápida com pneus macios”

Lance Stroll, quarto: Vettel diz que Aston Martin fez “lição de casa” e pede foco em ritmo de corrida na Áustria

Sebastian Vettel, quinto: Vettel diz que Aston Martin fez “lição de casa” e pede foco em ritmo de corrida na Áustria

Yuki Tsunoda, sexto: Tsunoda mira Q3 no Red Bull Ring e Gasly aponta dificuldades com frio

Yuki Tsunoda voltou a andar bem no circuito austríaco e ficou em sexto (Foto: Red Bull Content Pool)

Pierre Gasly, sétimo: Tsunoda mira Q3 no Red Bull Ring e Gasly aponta dificuldades com frio

Fernando Alonso, oitavo: Alonso tem dia tranquilo na Áustria, mas fala em busca por melhor acerto do carro

Lando Norris, nono: “Um dia positivo porque testamos coisas diferentes, mas não colocamos tudo junto. Do que testamos, algumas coisas foram boas, outras não tanto, e agora temos um melhor entendimento do carro em comparação com a semana passada. Espero que, possamos escolher as melhores coisas do trabalho hoje e avance para amanhã para ter certeza que seremos mais rápidos que na semana passada. Hoje foi um dia produtivo e vamos ver o que podemos fazer amanhã.”

Antonio Giovinazzi, décimo: “Foi um treino livre 2 bem tranquilo para mim. Executamos o programa completo que pretendíamos fazer, incluindo algumas voltas com os pneus protótipo e algumas voltas com muito combustível. No geral, foi uma sessão positiva. O meio do grid parece bem apertado, como sempre, então teremos de seguir trabalhando muito para encontrar aquela pequena performance extra para estarmos na frente, especialmente no sábado. Ainda temos um treino antes da classificação para fazer um ajuste fino no nosso pacote e, então, vamos dar o nosso máximo na classificação.”

Sergio Pérez, 11º: Pérez fala em “dois treinos bem difíceis” na Áustria e revela desconforto com pneu macio

Esteban Ocon, 12º: “Foi um dia muito agitado, com muitos testes concluídos. Tínhamos o protótipo do pneu para testar e isso foi interessante. Também usamos os C5s, que são os mais macios, o que é diferente do que tínhamos no fim de semana passado com o C4. Fizemos algumas voltas valiosas com eles com baixo e alto combustível. As condições também foram muito diferentes do fim de semana passado, clima muito mais fresco, e por isso os tempos por volta foram um pouco mais rápidos. Há trabalho esta noite para analisarmos isso. Em resumo, foi um dia agitado, mas produtivo.”

Carlos Sainz, 13º: Leclerc admite dificuldades com pneus macios na Áustria, mas diz: “Bom ritmo de corrida”

Kimi Räikkönen, 14º: “Foi uma sexta-feira bastante normal. Claro, todo mundo conhece muito bem a pista depois da semana passada, então vamos descobrir amanhã onde todos realmente estão. Estou muito confiante, mas sabemos que as diferenças são muito pequenas, tudo pode acontecer. No fim das contas, vamos precisar buscar algo hoje à noite porque sabemos que todo mundo vai achar e temos de dar um passo maior à frente do que os outros. Nós apenas nos concentramos em nós mesmos para fazer nosso melhor. Vamos ver o que o amanhã vai nos trazer.”

Daniel Ricciardo, 15º: “Foi um dia interessante. Na classificação, não parece um bom dia, mas fizemos progresso em algumas áreas. Vamos tentar dar mais um passo amanhã e talvez isso nos coloque na briga. Se eu não soubesse a classificação, ficaria mais otimista com o dia, mas acho que precismaos acertar algumas coisas. Continuaremos descascando para encontrar alguns décimos durante a noite, e acho que isso nos colocará onde precisamos estar. Temos algum trabalho a fazer, mas estamos bem.”

Charles Leclerc, 16º: Leclerc admite dificuldades com pneus macios na Áustria, mas diz: “Bom ritmo de corrida”

George Russell, 17º: “Às vezes é duro perder um treino livre, mas são só ste curvas aqui e andamos bastante na semana passada, então se tem um evento para não participar do TL1 é esse. Nosso foco é quilometragem com os novos pneus que chegam em Silverstone e, mesmo com um pouco de chuva, creio que terminamos felizes com o que fizemos. Com relação à preparação para classificação e corrida, o ritmoe stava ok, mas as coisas podem mudar no sábado à tarde. Como sempre, a meta amanhã é classificar no melhor lugar possível. Q2 é o mínimo que esperamos, mas vamos esperar e ver o que o dia oferece.”

Mick Schumacher, 18º: “As atividades de hoje foram bem dferentes. Vimos os tempos caindo muito mais rápido que na semana passada. Acho que estamos mais rápidos também, porque sabemos melhor onde colocar o carro. Em geral, foi interessante, especialmente nas simulações de corrida, porque esse deve ser o clima da corrida. Coletamos bastante informação e agora temos de analisar e ver o que podemos fazer melhor para o domingo.”

Nicholas Latifi, 19º: Foi uma sexta-feira muito cheia de coisa na Áustria tentando andar com os dois jogos de pneus novos no que já eram duas horas com muito a fazer. De qualquer maneira, foi valioso pegar as informações já que usaremos os pneus a partir de Silverstone. No geral, foram treinos com histórias diferentes. O TL1 foi muito melhor que o TL2, então precisamos entender os motivos, já que fizemos algumas mudanças. É por isso que estamos passando agora para assegurar que terminemos o dia em alta.”

Nikita Mazepin, 20º: “Esse carro tem um pacote aerodinâmico difícil, um dos mais difíceis que já guiei. Nas categorias-satélite, mais equilíbrio aerodinâmico significa sair de frente, mas na F1 não é assim, com a forma diferente que trabalham os pneus e tudo que afeita o aquecimento de temperatura da borracha. É bem extremo e não muito regular. Estamos usando as sextas-feiras para experimentar com o setup e tentar mexer nos dois carros de maneira que tenhamos algum ganho. O tempo de treinos livres foi reduzido desde o ano passado… Estamos tentando coisas diferentes, então amanhã deve estar tudo mais parecido e concluído.”

Guanyou Zhou, 14º no TL1: “Foi uma sensação especial piloto no TL1 hoje. Estou muito feliz e pude me familiarizar com os pneus desde o início. Eu não esperava chegar tão rápido e o ritmo estava definitivamente com os pneus médios. Me senti bem esta manhã e estava ficando mais confiante a cada volta. Eu só queria construir isso de forma constante e crescer na sessão. Gostaria de agradecer à equipe pela oportunidade, com certeza foi muito especial. Espero ter deixado todos orgulhosos e haverá mais momentos como este na minha carreira.

Callum Ilott, 16º no TL1: “Curti muito a sessão de hoje. Sinto que fiz um bom progresso e conseguimos aprender muitas coisas. Entrar no carro quando todo mundo teve um fim de semana inteiro correndo aqui nunca é fácil, mas ainda acho que foi uma sessão muito positiva. Conseguimos abordar diretamente alguns dos aspectos-chave que a equipe queria verificar no último fim de semana e, no fim das contas, pudemos fazer um stint com pneus macios, foi divertido. Eu me senti mais familiarizado com o carro e com o funcionamento de tudo. Estou me acostumando a isso, e isso me permitiu trabalhar melhor, portanto estou satisfeito com meu dia.”

Roy Nissany, 19º no TL1: “Hoje foi ótimo, definitivamente foi um dos treinos mais produtivos que eu fiz pela equipe e senti ritmo forte. Amo a pista, já guieu aqui várias vezes por categorias diferentes, mas passar pela parte mais veloz no FW43B foi a melhor sensação que já tive. Pegamos muitas informações e vamos gastar a noite analisando e aprendendo com tudo isso. Estou muito feliz com o dia.”

HAMILTON PÕE MERCEDES NA FRENTE DA RED BULL DE VERSTAPPEN NA ÁUSTRIA | Vem Aí + GP às 10

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar