Mir rebate críticas sobre falta de agressividade: “Quero ter calma no início”

Atual campeão, Joan Mir não gostou de algumas declarações sobre a falta de combatividade na MotoGP em 2021. O piloto da Suzuki ainda acredita que a montadora japonesa vai evoluir ao longo da temporada

Campeão vigente, Joan Mir ainda não se destacou em 2021 (Vídeo: MotoGP)

O início de temporada não está fácil para Joan Mir, atual campeão da MotoGP. Após seis etapas, conseguiu apenas um pódio, em Portugal, e está 31 pontos atrás do líder Fabio Quartararo. Apesar do início ruim, e de sair zerado do GP da França, o espanhol mostra confiança em uma evolução nas próximas etapas.

Às vésperas do GP da Itália, o piloto da Suzuki respondeu uma declaração de Marc Márquez à Sky Italia. O hexacampeão da classe rainha do Mundial disse que “Mir segue a estratégia do ano passado, de terminar todas as corridas, mas só se vence o Mundial assim uma vez”.

“Se alguém souber como chegar no pódio sem atacar, me explique. Este ano, em alguns circuitos pouco favoráveis para a Suzuki, salvamos pontos. Agora chegamos em outras [pistas] que devem ser melhores, como Assen e Barcelona. Não é questão de ir ao ataque, porque isso sempre faço. Acredito que nossa temporada vai evoluir, mas quero ter calma no início”, afirmou Mir em resposta ao compatriota.

Joan Mir saiu zerado da etapa em Le Mans (Foto: Divulgação/MotoGP)

LEIA TAMBÉM
⇝ Miller engrena com vitórias seguidas e assume protagonismo na temporada da MotoGP
⇝ WEB STORY: Com Miller, Zarco e Quartararo, MotoGP tem pódio incomum na França
⇝ Frio, chuva e reclamações: MotoGP precisa dar segurança e rever data do GP da França
⇝ Divertida e disputada, MotoE precisa de mudanças. E já tem parte da solução nas regras
⇝ Quartararo mostra evolução e consistência para brigar por título desperdiçado em 2020
⇝ Com Masià lesionado, Ajo escala Moreira para dois dias de testes da Moto3 em Barcelona
⇝ Yamaha e Ducati mostram forças opostas e disputam protagonismo na MotoGP em 2021
⇝ Ducati ou Yamaha: quem vai equipar a VR46 na temporada 2022 da MotoGP?
⇝ Descoberta de Barros e fruto do motocross: Moreira é nova joia do motociclismo brasileiro
⇝ Quartararo versus Miller: a trajetória dos protagonistas da temporada 2021 na MotoGP

“O importante é ir para as férias de verão com mais pontos, para encarar a segunda parte da temporada perto do topo da tabela de pontos. Nós temos alguns pontos para recuperar e que creio que seja algo possível. Os primeiros circuitos que visitamos foram mais favoráveis para Yamaha e Ducati, agora veremos o verdadeiro potencial da Suzuki”, completou.

A largada do GP da Itália, sexta etapa da temporada 2021 da MotoGP, está marcada para domingo (30), às 9h. Acompanhe a cobertura do GRANDE PRÊMIO sobre o Mundial de Motovelocidade.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar