Acosta conta com queda de Foggia, vence GP do Algarve e conquista título da Moto3

Depois de uma corrida intensa, Pedro Acosta aproveitou-se de uma queda de Dennis Foggia na última volta do GP do Algarve, venceu e conquistou o título da Moto3 em 2021. Andrea Migno e Niccolò Antonelli fecharam o pódio

AUMENTO NA IDADE MÍNIMA É REAÇÃO NECESSÁRIAS A TRAGÉDIAS DO MOTOCICLISMO | GP às 10

Um corrida de emoção do início ao fim, que teve a decisão do campeonato. Pedro Acosta é campeão mundial na Moto3. Largando da 14ª posição, o piloto espanhol fez excelente corrida de recuperação, flertou com o top-3, chegou a liderar no meio da prova, mas tinha Dennis Foggia, seu maior oponente, à frente. Foi a menos de três voltas para o final que, em disputa direta, Foggia foi tocado por Darryn Binder, caiu e deixou Acosta sem dúvidas: o título estava garantido.

Na segunda posição, surpreendentemente veio Andrea Migno, que aproveitou o caos instaurado entre os ponteiros para garantir o pódio. Niccolò Antonelli fechou o top-3. Binder ficou em quarto, mas parecia que iria carimbar um pódio durante toda a prova, mas não ocorreu. Atrás deles, vieram: Jeremy Alcoba, Izan Guevara, Ayumu Sasaki, Romano Fenati, Xavier Artigas e Tatsuki Suzuki.

Pedro Acosta é o novo campeão da Moto3 (Foto: Red Bull KTM Ajo)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Dennis Foggia, embora não tenha completado a corrida, fez bonito. Largou da quarta posição, liderou por mais da metade da prova e, nos momentos finais, estava no encalço de Acosta para recuperar a liderança. Por um toque, não conseguiu. Vice-líder do campeonato, ele era o único que ainda poderia ameaçar e postergar o título para Valência.

Após a corrida, a direção de prova anunciou a desclassificação de Darryn Binder por direção irresponsável, culpando o sul-africano pelo toque em Foggia na volta final da prova no circuito português.

Moto3 encerra a temporada no próximo fim de semana, no domingo (14), com o GP da Comunidade Valenciana, em Valência. O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do Mundial de Motovelocidade 2021.

Como foi o GP do Algarve da Moto3:

O sol mais uma vez apareceu com força no GP do Algarve, com temperatura na faixa de 19°C, com 25°C no asfalto.

Na largada, Sergio García partiu bem e manteve tranquilamente a liderança, seguido por Adrián Fernández. Menos sorte teve Kaito Toba, que largou no fim do grid e caiu na primeira curva.

A largada do GP do Algarve da Moto3 (Vídeo: MotoGP)

Ao final da primeira volta, Dennis Foggia usou-se do vácuo na reta principal e pulou de quinto para a liderança. O rival Pedro Acosta, em prova de recuperação, já aparecia na sétima colocação.

No fim da segunda volta, Acosta fez a melhor volta da prova e ultrapassou John McPhee, mas rapidamente foi superado de volta pelo piloto da SRT.

Determinado a conquistar o título no circuito português, Acosta passou por McPhee e García na terceira volta e pulou para o quinto lugar. Na frente, Foggia abria vantagem para Darryn Binder.

Foggia assumiu a liderança no fim da primeira volta (Vídeo: MotoGP)

Foggia fez a melhor volta, com 1min48s428. Mais atrás, o rival Acosta passou por Adrián Fernández e subiu para a quarta colocação.

Na quinta volta, Xavi Artigas superou Binder e foi para segundo. Acosta tentou aproveitar o embalo, mas levou uma fechada de porta do sul-africano no fim da reta principal. O trio, mesmo brigando, conseguiu se aproximar de Foggia na liderança.

Na curva 13, McPhee perdeu o controle da moto e caiu, abandonando a prova em Portimão.

Na frente, Acosta aproveitou-se do vácuo e superou Artigas. Binder também passou e foi para segundo, passando a pressionar Foggia novamente.

Pedro Acosta e Dennis Foggia brigaram intensamente na prova (Vídeo: MotoGP)

No início do oitavo giro, Binder colocou por dentro, mas não conseguiu passar Foggia na reta do circuito português. Com isso, Acosta tentou superar o piloto da SRT, mas sem sucesso também.

Mais atrás, Jaume Masià fazia a volta mais rápida e ocupava a sexta posição. No topo, Acosta deixou Binder para trás e assumiu o segundo lugar.

O início da volta 10 foi caótico. Acosta passou por Foggia no fim da reta, mas escorregou e foi superado pelo rival e por Binder. Masià se aproximou do pelotão e tomou o quarto lugar também.

Acosta não desistiu e superou Binder no fim da décima volta, assumindo novamente o segundo posto e partindo para o ataque contra Foggia. Masià foi no e subiu para terceiro.

Foggia seguiu na liderança na volta 12, mas sofrendo com os ataques de Acosta e Masià. No giro seguinte, porém, o italiano foi superado pela dupla da Red Bull KTM Ajo e acabou caindo para terceiro.

Masià aproveitou o vácuo no fim da reta e assumiu a liderança na volta 14. Logo atrás, García recuperou-se na prova e subiu para o quarto posto.

A briga pelo primeira posição durou toda a corrida no Algarve (Vídeo: MotoGP)

García fez boa manobra dupla e passou para segundo. Foggia também superou Acosta no 14º giro e empurrou o rival para o quinto lugar.

No início da volta 15, Foggia aproveitou o vácuo e reassumiu a liderança, seguido por García e Binder.

Acosta não desistiu da briga e tomou o segundo lugar ao passar Binder na volta 17. Depois, tentou superar Foggia, mas não deu certo e caiu novamente para terceiro.

A briga pela liderança ficou insana nas voltas finais. A 4 giros para o fim, Acosta reassumiu o segundo lugar e novamente passou a pressionar o rival Foggia, mas sem sucesso no fim da reta principal. Quem cresceu foi Andrea Migno, que surgiu em terceiro.

No 19º giro, Acosta mergulhou na curva 2 e passou Foggia, tomando a liderança. Logo depois, Masià errou na curva 5 após toque com Binder e Migno, caindo e saindo da disputa.

A festa do título de Pedro Acosta no circuito de Portimão (Vídeo: MotoGP)

Foggia tentou a manobra no fim da reta, mas sem sucesso. Com isso, passou a sofrer pressão de García. Logo depois, porém, o italiano mergulhou e retomou a ponta.

No início da última volta, Foggia é atingido por Binder, cai na curva 3 e deixa a liderança nas mãos de Acosta, que seguiu tranquilamente para a vitória em Portimão e conquistou o título.

LEIA TAMBÉM
# Quartararo renasce após derrota dolorida e conquista merecido título na MotoGP 2021
Quartararo justifica aposta e tira Yamaha da fila após cinco anos de jejum na MotoGP

Marc Márquez vence fora da zona de conforto e ganha fôlego em recuperação na MotoGP
Pódio de Pol Espargaró é tão importante para Honda quanto vitórias de Marc Márquez
FIM precisa adotar superlicença para selecionar melhor quem pode correr na MotoGP
Yamaha e Ducati se enfrentam na reta final de 2021 por títulos de Construtores e Equipes
Morbidelli mostra sinais de recuperação e fortalece planejamento de 2022 com Yamaha

Moto3 2021, GP do Algarve, Portimão, Corrida:

1P ACOSTARed Bull KTM Ajo38min04s339
2A MIGNOSnipers Honda+0.354
3N ANTONELLIAvintia KTM+.0880
4J ALCOBAGresini Honda+1.768
5I GUEVARAAspar KTM+1.839
6A SASAKITech3 KTM+1.874
7R FENATIMAX Husqvarna+1.972
8X ARTIGASLeopard Honda+2.333
9T SUZUKISIC58 Honda+3.423
10F SALACPrüstel KTM+6.591
11A FERNÁNDEZMAX Husqvarna+6.940
12C TATAYAvintia KTM+9.392
13D HOLGADOTech3 KTM+9.930
14J KELSOCIP KTM+9.996
15A SURRASnipers Honda+10.416
16S NEPABOE KTM+11.650
17L FELLONSIC58 Honda+11.695
18R ROSSIBOE KTM+11.736
19J MASIÀRed Bull KTM Ajo+13.616
20Y KUNIIAsia Honda+30.001
21R YAMANAKAPrüstel KTM+30.183
22A FARID IZDIHARAsia Honda+30.249
23K TOBACIP KTM+8 voltas
24D FOGGIALeopard Honda+1 volta
25S GARCÍAAspar KTM+1 volta
26J MCPHEESIC HONDA+17 voltas
27D BINDERSIC HONDADesclassificado 
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar