Latifi reitera erro em Abu Dhabi e se desculpa “por influenciar e criar uma oportunidade”

O piloto da Williams voltou a dizer que cometeu um erro em Yas Marina e afirmou que não sabia qual era a situação da corrida e do campeonato antes do acidente

F1 EM ABU DHABI: VERSTAPPEN PASSA HAMILTON NO FIM E É CAMPEÃO! | Briefing

Nicholas Latifi se desculpou por “criar uma oportunidade” para que Max Verstappen virasse o jogo para cima de Lewis Hamilton no GP de Abu Dhabi. O piloto da Williams reforçou que cometeu um erro e disse que não sabia a situação do campeonato da Fórmula 1 antes do momento do acidente de domingo (12).

Largando em segundo, Hamilton tomou a liderança ainda nos primeiros metros da corrida e sustentou a ponta na maior parte da disputa, um resultado que lhe renderia o octacampeonato da F1. Com cinco voltas para o fim, porém, um acidente de Latifi mudou os rumos da disputa.

LEIA TAMBÉM
+Opinião GP: Título de Verstappen tem mais sabor por derrotar Hamilton no auge técnico

Nicholas Latifi se desculpou, mas ressaltou que cometeu um erro (Foto: Williams)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

O piloto da Williams bateu na curva 14 e forçou a entrada do safety-car. Quando a corrida foi retomada, Verstappen tinha pneus macios novos, enquanto Hamilton tinha duros já bastante desgastados e, assim, não teve como se defender do ataque. Max venceu a corrida e conquistou o primeiro título da carreira.

O desfecho do campeonato, contudo, ainda segue alvo de polêmica, já que a Mercedes apresentou dois protestos a FIA (Federação Internacional de Automobilismo) e planeja apresentar um recurso contra a decisão da entidade de rejeitar pedidos.

A escuderia de Brackley se queixou do fato de Verstappen ter passado Hamilton brevemente durante o período de safety-car e da própria decisão da direção de prova, que inicialmente não liberou a ultrapassagem dos retardatários, mas depois liberou e não esperou mais uma volta do carro de segurança entes de reiniciar a corrida.

Determinante no desfecho do campeonato, Nicholas se desculpou e ressaltou que não teve a intenção de interferir na briga pelo título.

“Nós estávamos realmente em dificuldade com a aderência naquela sequência de curvas, especialmente onde acabei saindo”, disse Latifi. “Foi uma curva complicada para mim ao longo de todo o fim de semana, então com os pneus desgastados, ar sujo, eu cometi um erro”, assumiu.

“Eu não estava ciente da situação da corrida até ali. Obviamente, não foi minha intenção inadvertidamente influenciar nisso, mas cometi um erro e arruinei a minha própria corrida”, comentou. “Não foi a minha intenção e só posso me desculpar por influenciar e criar uma oportunidade. Mas, de novo, cometi um erro”, declarou.

Chefe da Red Bull, Christian Horner prometeu um suprimento vitalício de energéticos para o piloto da Williams.

LEIA TAMBÉM
Campeão, Verstappen consolida troca de guarda e fim da dinastia Hamilton na F1
Verstappen triunfa em rivalidade contra nêmesis de uma vida apenas aos 24 anos
Verstappen vence batalha árdua em primeiro título e sinaliza nova era na Fórmula 1
Red Bull enfim entrega carro vencedor e dá condição de título a Verstappen na F1

Nicholas Latifi bateu forte e causou o primeiro período de safety-car da corrida em Abu Dhabi (Vídeo: DAZN)
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar