MotoGP confirma rumores e cancela GP da Tailândia. Substituto ainda é considerado

Restrições relacionadas à pandemia de Covid-19 causaram o cancelamento da corrida prevista para 17 de outubro no circuito de Buriram. MotoGP ainda avalia a substituição da corrida

KTM ACHA RUMO NO CAMINHO E CRESCE COM NOVO CHASSI NA MOTOGP | GP ÀS 10

Dias após os rumores surgirem na imprensa local, a MotoGP anunciou nesta quarta-feira (21) o cancelamento do GP da Tailândia de 2021. A prova em Buriram estava prevista para 17 de outubro e ainda não tem uma substituta.

O cancelamento do GP tailandês é mais um reflexo da pandemia do novo Coronavírus. De acordo com dados da OMS (Organização Mundial da Saúde), a Tailândia soma 426.475 casos de Covid-19, 11.305 nas últimas 24h. Além disso, são 3.502 mortes, 80 no último dia.

MotoGP 2019 Tailândia Buriram Domingo
O GP da Tailândia foi cancelado por causa da pandemia (Foto: Reprodução)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

Segundo o Our World in Data, a Tailândia já aplicou 14,5 milhões de doses de vacina, mas apenas 5% da população está totalmente vacinada.

De acordo com a imprensa tailandesa, os organizadores do GP consideravam que não era economicamente viável realizar a corrida sem a presença de espectadores. O corrida em Buriram é um dos maiores públicos da MotoGP.

“A FIM (Federação Internacional de Motociclismo), a IRTA (Associação Internacional das Equipes de Corrida) e a Dorna Sports lamentam anunciar o cancelamento do GP da Tailândia, que estava marcado para acontecer no Circuito Internacional de Chang entre 15 e 17 de outubro. Apesar dos melhores esforços de todas as partes envolvidas, a pandemia de Covid-19 em curso e as restrições resultantes obrigaram o cancelamento do evento”, disse a MotoGP em nota. “O Mundial de MotoGP está ansioso para voltar a correr diante da incrivelmente passional multidão de Buriram em 2022”, seguiu.

“Um evento substituto está sedo considerado e qualquer atuação em relação a um possível substituto será publicada o mais cedo possível”, completou.

Esta não é a primeira alteração no calendário da MotoGP em função da pandemia. Os GPs do Japão e da Austrália já tinham sido cancelados anteriormente, também em função da pandemia. Agora, resta apenas o GP da Malásia na fase asiática do calendário, mas a prova em Sepang também é dúvida.

LEIA TAMBÉM
# Yamaha precisa de solução caseira e eficiente para vaga de Viñales em 2022: Morbidelli
Aos 42 anos, Rossi vê competitividade minguar e se aproxima da aposentadoria da MotoGP
Razgatlioglu e Gerloff largam na frente por vaga na SRT. Mas estão prontos para MotoGP?
Pedrosa correr como wildcard ainda na temporada 2021 é bom negócio para KTM e MotoGP
Quartararo mostra velocidade e maturidade para protagonizar primeira metade de 2021
Miller e Bagnaia são acerto da Ducati. Mas saem de férias ofuscados por Zarco
Estagnado, Petrucci sofre na Tech3 e inicia dura missão de seguir na MotoGP em 2022
# Aleix Espargaró aproveita evolução da Aprilia e chega mais perto do sonho do pódio
# Oliveira se impõe na KTM e bate Binder na primeira parte da temporada 2021 da MotoGP
# LCR segue queda da Honda e corta embalo de Álex Márquez e Nakagami em 2021

DUCATI DÁ SALTO COM MILLER E BAGNAIA, MAS PRECISA DE CONSISTÊNCIA | GP ÀS 10

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar