Aleix Espargaró lidera dia 2 de testes da MotoGP em Misano. Quartararo é sétimo

Com 1min31s584, o catalão colocou a Aprilia no topo da tabela de tempos, 0s080 melhor do que Francesco Bagnaia. Joan Mir ficou com o terceiro posto, enquanto o líder do Mundial ficou com a sétima melhor marca

Aleix Espargaró colocou a Aprilia no comando do segundo dia de testes da MotoGP em Misano. O piloto da Aprilia cravou 1min31s584 nesta quarta-feira (22) e encerrou o dia com 0s080 de margem para Francesco Bagnaia, o segundo colocado. Joan Mir ficou com o terceiro posto.

Takaaki Nakagami foi a 1min31s735 e ficou com a quarta colocação, seguido por Jack Miller e Pol Espargaró. Líder do Mundial, Fabio Quartararo cravou 1min32s002 e ficou com o sétimo tempo, 0s375 mais lento do que Aleix.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

Aleix Espargaró foi o mais rápido nesta quarta em Misano (Foto: Aprilia)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Maverick Viñales vem logo atrás, diante de Miguel Oliveira. O português não vive um bom momento na MotoGP, mas acabou em nono, 0s552 atrás do ponteiro. Marc Márquez completou o dia na décima colocação.

Álex Rins ficou com o 15º tempo, 0s060 melhor que Jorge Martín, o 16º. Franco Morbidelli garantiu a 17ª colocação apesar de ter sofrido duas quedas nesta manhã, diante de Andrea Dovizioso e Valentino Rossi. Piloto de testes da KTM, Dani Pedrosa surge logo atrás.

O teste desta quarta-feira marcou, ainda, a estreia de Raúl Fernández e Remy Gardner. Confirmados pela Tech3 para 2022, os pilotos da Moto2 fizeram o primeiro teste para a RC16 da KTM para antecipar os trabalhos para quando a promoção para a classe rainha chegar.

Além disso, Pol Espargaró também debutou a RC213V desenvolvida pela Honda para a temporada 2022. Na terça-feira, Marc Márquez já tinha testado o protótipo, algo que voltou a fazer, ainda que em uma versão um pouco diferente.

A fábrica da asa dourada, porém, não foi a única a testar o protótipo de 2022. A Suzuki avaliou um novo chassi e também a nova carenagem, com Sylvain Guintoli e a equipe de testes se juntando a Rins e Mir nesta quarta.

MotoGP volta às pistas no próximo dia 3 de outubro para o GP das Américas, em Austin, no Texas. O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do Mundial de Motovelocidade 2021.

MotoGP 2021, Misano, Teste coletivo, Dia 2:

1A ESPARGARÓAprilia Gresini1:31.584 
2F BAGNAIADucati1:31.664+0.080
3J MIRSuzuki1:31.707+0.123
4T NAKAGAMILCR Honda1:31.735+0.151
5J MILLERDucati1:31.798+0.214
6P ESPARGARÓHonda1:31.926+0.342
7F QUARTARAROYamaha1:31.959+0.375
8M VIÑALESAprilia Gresini1:32.002+0.418
9M OLIVEIRAKTM1:32.136+0.552
10M MÁRQUEZHonda1:32.151+0.567
11L MARINIAvintia VR46 Ducati1:32.156+0.572
12B BINDERKTM1:32.175+0.591
13A MÁRQUEZLCR Honda1:32.259+0.675
14M PIRRODucati1:32.331+0.747
15Á RINSSuzuki1:32.352+0.768
16J MARTÍNPramac Ducati1:32.412+0.828
17F MORBIDELLIYamaha1:32.635+1.051
18A DOVIZIOSOSRT Yamaha1:32.830+1.246
19V ROSSISRT Yamaha1:32.842+1.258
20D PEDROSAKTM1:32.959+1.375
21E BASTIANINIAvintia Ducati1:32.975+1.391
22R FERNÁNDEZTech3 KTM1:33.988+2.404
23L SAVADORIAprilia Gresini1:34.043+2.459
24S GUINTOLISuzuki1:34.141+2.557
25R GARDNERTech3 KTM1:34.641+3.057

VEJA TAMBÉM
Como fica o grid da MotoGP para a temporada 2022?
Marc Márquez atende chamado de mãe e surpreende fã mirim em Misano
Bagnaia corta 5 pontos da vantagem de Quartararo na MotoGP. Veja classificação
Bagnaia vai da explosão à sobrevivência e gabarita de novo na pós-graduação da MotoGP
Quartararo mantém alto nível e se permite queimar gordura na reta final da MotoGP 2021
# Bastianini brilha em Misano e mostra que Ducati tem mais um diamante nas mãos na MotoGP

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar