Vietti herda pole da Moto2 após punição de Lowes no Catar. Acosta cai e fica em 10º

Sam Lowes até cravou a pole em Lusail, mas foi punido por exceder o limite de pista e perdeu a posição. Melhor para Celestino Vietti, que herdou a primeira posição e larga na frente

GUIA MOTOGP 2022: FAVORITOS, NOVATOS E PALPITES PARA TEMPORADA

Depois de anotar somente o 12º melhor tempo nos primeiros treinos da Moto2 em Lusail, Sam Lowes parecia ter dado a volta por cima neste sábado (05). No treino de classificação da categoria para o GP do Catar, o piloto anotou 1min58s905 e garantiu a pole position, até a direção de prova mudar tudo. Por exceder o limite de pista, o britânico foi punid,o e Celestino Vietti assumiu a primeira colocação para largar na posição de honra pela primeira vez na categoria.

A primeira fila do grid também conta com Tony Arbolino, também da Marc VDS, que faz sua estreia pela equipe e larga em segundo. Punido, Lowes caiu para a terceira colocação. Filip Salac, Ai Ogura, Augusto Fernández, Jake Dixon, Fermín Aldeguer, Aron Canet e Pedro Acosta também estão entre os dez primeiros.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Sam Lowes voltou a andar bem em Lusail (Foto: Marc VDS)

Albert Arenas, Fermín Aldeguer, Bo Bendsneyder e Barry Baltus foram os pilotos que participaram do Q1 e garantiram vaga na parte final da classificação em Lusail. O membro da RW Racing, inclusive, marcou presença no Q2 pela primeira vez em sua carreira.

A largada do GP do Catar de Moto2, em Lusail, acontece neste domingo (6) e está marcada para as 10h20 (de Brasília). O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades da abertura do Mundial de Motovelocidade 2022.

Q1: Arenas lidera e avança no Catar. Aldeguer, Bendsneyder e Baltus também passam

Com a noite chegando em Lusail e ainda com a neblina de areia causada pelos fortes ventos, a Moto2 entrou na pista para o Q1. A temperatura estava na faixa dos 24°C, enquanto a pista alcançava os 31°C.

Bo Bendsneyder, já experiente na categoria intermediária do Mundial de Motovelocidade, partiu para a liderança e fez 1min59s749. Barry Baltus pulou para segundo, seguido por Albert Arenas e Lorenzo Dalla Porta logo atrás.

Pilotos partem para o Q1 da Moto2, no Catar (Foto: Reprodução/MotoGP)

A partir da metade do Q1, a visibilidade começou a melhorar em Lusail, mas ainda causava alguns problemas para os pilotos da Moto2, especialmente na reta principal do circuito.

A 2 minutos para o fim, Fermín Aldeguer cravou 1min59s690 e tomou a dianteira, praticamente garantindo uma vaga na segunda fase do treino. Albert Arenas também evoluiu e melhorou a própria marca, subindo para terceiro, com 1min59s764.

Albert Arenas fez a volta mais rápida do Q1 em Lusail, pela Moto2 (Vídeo: Reprodução/MotoGP)

Por fim, depois da bandeira quadriculada, Arenas ainda fez 1min59s371 e pulou para primeiro, classificando-se ao lado de Aldeguer, Bendsneyder e Baltus.

Q2: Lowes surge no fim e domina o grid. Acosta cai na volta rápida

A pista foi liberada para os pilotos da Moto2 no Q2, mas só depois de 2 minutos que começaram a sair dos boxes em Lusail. Arenas seguiu com tudo e fez 2min00s013 para logo de cara assumir a ponta, mas por pouco tempo. Sam Lowes fez 1min59s720 e saltou para primeiro.

Celestino Vietti também andou bem na primeira tentativa, com 1min59s851, indo para segundo, mas não durou. Logo, o pelotão acelerou e alguns pilotos o superaram.

Sam Lowes é o pole-position para o GP do Catar de Moto2 (Vídeo: Reprodução/MotoGP)

Filip Salac fez 1min59s287 e foi para a ponta, seguido por Cameron Beaubier a 0s264. Tony Arbolino superou o companheiro Lowes e foi para a terceira posição.

Novato na classe intermediária do Mundial, Pedro Acosta pulou para a terceira posição. Logo atrás, Aldeguer foi para segundo, mas rapidamente superado por Ai Ogura. A 4 minutos do encerramento da prática, Pedro Acosta caiu na curva 16, mas se levantou sozinho e tentou voltar para a pista sem sucesso.

Arbolino surpreendeu e fez 1min59s194 para tomar a liderança. Depois, Jake Dixon foi bem e subiu para terceiro. Mas foi o outro piloto da Marc VDS que acelerou com tudo nos minutos finais, com 1min58s905 para tomar a liderança da sessão, formando dobradinha do time até aquele momento.

Décimo colocado, Pedro Acosta caiu durante a sessão classificatória (Vídeo: Reprodução/MotoGP)

No último minuto, Marcel Schrötter escapou na curva 2 e sofreu uma queda espetacular para abandonar de vez a sessão.

Depois da bandeira quadriculada, ainda teve tempo para Celestino Vietti achar grande volta e fincar-se no meio da dupla da Marc VDS, em segundo.

Moto2 2022, GP do Catar, Lusail, Classificação:

1C VIETTIVR46 Racing Team1:59.082 
2T ARBOLINOMarc VDS Racing Team1:59.194+0.112
3S LOWESMarc VDS Racing Team1:59.226+0.144
4F SALACGresini Racing1:59.287+0.205
5A OGURATeam Asia Honda1:59.302+0.220
6A FERNÁNDEZRed Bull KTM Ajo1:59.339+0.257
7J DIXONAspar GasGas1:59.357+0.275
8F ALDEGUERSpeed Up Boscoscuro1:59.359+0.277
9A CANETHP40 Kalex1:59.480+0.398
10P ACOSTARed Bull KTM Ajo1:59.528+0.446
11C BEAUBIERAmerican Racing1:59.551+0.469
12J NAVARROHP40 Kalex1:59.626+0.544
13M SCHRÖTTERIntact GP1:59.670+0.588
14J ROBERTSItaltrans Racing Team1:59.671+0.589
15A ARENASAspar GasGas1:59.779+0.697
16B BALTUSRW Racing GP1:59.833+0.751
17B BENDSNEYDERSAG Pertamina1:59.971+0.889
18S CHANTRATeam Asia Honda2:00.213+1.131
19S CORSIForward MV Agusta2:00.063+0.981
20L DALLA PORTAItaltrans Racing Team2:00.151+1.069
21M RAMÍREZForward MV Agusta2:00.151+1.069
22J ALCOBAIntact GP2:00.270+1.188
23G RODRIGOSAG Pertamina2:00.542+1.460
24M GONZÁLEZVR46 Yamaha Master Camp2:00.551+1.469
25A ZACCONEGresini Racing2:00.957+1.875
26K KUBOVR46 Yamaha Master Camp2:01.033+1.951
27R FENATISpeed Up Boscoscuro2:01.137+2.055
28S D KELLYAmerican Racing2:01.201+2.119
29Z VAN DEN GOORBERGHRW Racing GP2:01.327+2.245
30N ANTONELLIVR46 Racing Team2:01.874+2.792

GUIA DA MOTOGP 2022
MotoGP abre era pós-Rossi com menu extenso e pratos para lamber os beiços
MotoGP mantém estabilidade e só tem mudanças pontuais no regulamento
Acosta chega forte, mas Moto2 é livro aberto na busca por protagonista
Volta de Carrasco e estreia de Moreira deixam olhos atentos à Moto3
Aprilia dá novo passo e mira protagonismo de novo status na MotoGP
Yamaha ainda sofre com motor, mas busca evolução na MotoGP
Aprilia dá novo passo e mira protagonismo de novo status na MotoGP
Quartararo sai da glória de campeão para a luta de se manter no topo
Sem ícone máximo, MotoGP tem de descobrir novo mundo em era pós-Rossi
Ducati cria casca e entra na temporada 2022 com pressão do favoritismo
KTM chega cercada de incertezas após tropeços e decepções na MotoGP
Bagnaia ganha Ducati e vira bola da vez na MotoGP mesmo derrotado em 2021
De campeão a surpresa, novatos invadem MotoGP com diferentes expectativas
Suzuki atende pilotos e surge vitaminada com melhora na moto e novo chefe
Honda torce por Marc Márquez inteiro para voltar do ostracismo em 2022
Marc Márquez chega a 2022 para recuperar forma e retomar domínio

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar