Bastianini supera Pol Espargaró por apenas 0s013 e lidera TL3 da MotoGP no Catar

Enea Bastianini se esforçou muito, mas conseguiu a melhor marca do terceiro treino livre da MotoGP no Catar. O italiano da Gresini superou Pol Espargaró no detalhe após ter duas voltas canceladas

GUIA MOTOGP 2022: FAVORITOS, NOVATOS E PALPITES PARA TEMPORADA

A manhã do sábado (5) prometia ser bem tranquila na MotoGP, mas os minutos finais do TL3 em Lusail entregaram drama e entretenimento de sobra. Depois de dois erros, com voltas canceladas, Enea Bastianini cravou 1min53s790 e fez a melhor volta da sessão, o suficiente para se garantir no Q2 da classificação.

Pol Espargaró também se recuperou e garantiu vaga no Q2 com o segundo melhor tempo do dia, apenas 0s013 atrás de Bastianini. Francesco Bagnaia foi outro piloto que evoluiu, mas ficou em terceiro no TL3.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Enea Bastianini andou muito nem no TL3 em Lusail (Foto: Divulgação/MotoGP)

Azar para Fabio Quartararo. O atual campeão mundial da MotoGP vai começar a defesa do título precisando brigar por uma vaga no Q2 da classificação do GP do Catar, apesar da quarta posição no treino de hoje. Brad Binder, Johann Zarco, Miguel Oliveira, Joan Mir, Jorge Martín e Maverick Viñales fecharam o top-10 da sessão.

A classificação da MotoGP para o GP do Catar, em Lusail, acontece neste sábado (5), às 12h (de Brasília). O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades da abertura do Mundial de Motovelocidade 2022.

Confira como foi o Treino Livre 3 para o GP do Catar:

O terceiro treino livre da MotoGP começou ainda com luz natural e o sol disposto a incomodar os pilotos da classe rainha do Mundial de Motovelocidade. A temperatura chegava aos 26°C, com a pista alcançando os 39°C. Assim que a luz verde surgiu, os pilotos partiram para a pista.

E o sábado começou do mesmo jeito que a sexta-feira terminou. Álex Rins foi o primeiro a assumir a liderança da sessão, com 1min55s562, quase 0s5 mais rápido que Johann Zarco, o segundo colocado. Fabio Quartararo aparecia na terceira posição.

Logo, porém, os tempos mudaram e Aleix Espargaró tomou a liderança, com 1min55s016. Jorge Martín também acertou boa volta e fez 1min55s243. Rins até melhorou de novo, mas ficou em terceiro.

A Suzuki voltou a mostrar força. Rins fez 1min54s803 e tomou a ponta da sessão, seguido de perto pelo companheiro Joan Mir, apenas 0s108 atrás do compatriota.

Apesar da intensa movimentação nos primeiros minutos, os pilotos não conseguiam melhorar as marcas do dia anterior. Depois de 15 minutos, a pista ficou praticamente vazia, com quase todo o grid de volta aos boxes.

Com 20 minutos para o fim do treino, os pilotos retornaram para a pista de Lusail em busca de melhores tempos. Fabio Quartararo reagiu e colocou a Yamaha no topo da tabela de tempos, com 1min54s794, apenas 0s009 mais rápido que Rins. Brad Binder também melhorou e saltou para o terceiro lugar, 0s073 atrás do atual campeão mundial.

E os tempos continuaram baixando em Lusail. Enea Bastianini cravou 1min54s641 e tomou a liderança, mas teve a volta cancelada por exceder os limites de pista. Em sua segunda tentativa, Johann Zarco tomou a ponta, com 1min54s441.

Nos minutos finais, porém, os tempos despencaram. Bastianini fez a melhor volta do fim de semana, mas foi cancelada por exceder os limites do traçado novamente. Francesco Bagnaia teve mais sorte e cravou 1min53s979 para chegar à dianteira do TL3.

Foi, porém, por pouco tempo. Em um momento que lembrou a temporada passada, Quartararo superou Bagnaia e fez 1min53s948 para tomar a melhor marca da sessão. Brad Binder também evoluiu e pulou para terceiro.

Bagnaia reagiu no minuto final do treino e fez 1min53s855, praticamente se garantindo no Q2 da classificação deste sábado. Mas o melhor ainda estava por vir. Desesperado depois de dois erros cruciais, Bastianini voltou à pista e fez 1min53s790 para garantir a melhor marca da sessão, seguido de perto por Pol Espargaró, que ficou a apenas 0s013.

MotoGP 2022, GP do Catar, Lusail, Treino Livre 3:

1E BASTIANINIGresini Ducati1:53.790 
2P ESPARGARÓHonda1:53.803+0.013
3F BAGNAIADucati1:53.855+0.065
4F QUARTARAROYamaha1:53.939+0.149
5B BINDERKTM1:54.011+0.221
6J ZARCOPramac Ducati1:54.105+0.315
7M OLIVEIRAKTM1:54.404+0.614
8J MIRSuzuki1:54.576+0.786
9J MARTÍNPramac Ducati1:54.619+0.829
10M VIÑALESAprilia1:54.658+0.868
11Á RINSSuzuki1:54.798+1.008
12L MARINIVR46 Ducati1:54.815+1.025
13F DI GIANNANTONIOGresini Ducati1:54.902+1.112
14A ESPARGARÓAprilia1:55.016+1.226
15M MÁRQUEZHonda1:55.097+1.307
16R GARDNER Tech3 KTM1:55.116+1.326
17T NAKAGAMILCR Honda1:55.154+1.364
18M BEZZECCHIVR46 Ducati1:55.191+1.401
19A DOVIZIOSORNF Yamaha1:55.193+1.403
20J MILLERDucati1:55.326+1.536
21D BINDERRNF Yamaha1:55.383+1.593
22A MÁRQUEZLCR Honda1:55.402+1.612
23F MORBIDELLIYamaha1:55.431+1.641
24R FERNÁNDEZTech3 KTM1:55.690+1.900

GUIA DA MOTOGP 2022
MotoGP abre era pós-Rossi com menu extenso e pratos para lamber os beiços
MotoGP mantém estabilidade e só tem mudanças pontuais no regulamento
Acosta chega forte, mas Moto2 é livro aberto na busca por protagonista
Volta de Carrasco e estreia de Moreira deixam olhos atentos à Moto3
Aprilia dá novo passo e mira protagonismo de novo status na MotoGP
Yamaha ainda sofre com motor, mas busca evolução na MotoGP
Aprilia dá novo passo e mira protagonismo de novo status na MotoGP
Quartararo sai da glória de campeão para a luta de se manter no topo
Sem ícone máximo, MotoGP tem de descobrir novo mundo em era pós-Rossi
Ducati cria casca e entra na temporada 2022 com pressão do favoritismo
KTM chega cercada de incertezas após tropeços e decepções na MotoGP
Bagnaia ganha Ducati e vira bola da vez na MotoGP mesmo derrotado em 2021
De campeão a surpresa, novatos invadem MotoGP com diferentes expectativas
Suzuki atende pilotos e surge vitaminada com melhora na moto e novo chefe
Honda torce por Marc Márquez inteiro para voltar do ostracismo em 2022
Marc Márquez chega a 2022 para recuperar forma e retomar domínio

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar