Vandoorne supera trauma de Londres e coloca mão na taça da Fórmula E

Stoffel Vandoorne sobra em final de semana terrível para concorrentes ao título e está muito próximo de ser campeão da Fórmula E. Lucas Di Grassi vence a primeira pela Venturi

A Fórmula E já conta os dias para o encerramento da temporada, com a última etapa do ano prevista para os dias 13 e 14 de agosto, na Coreia do Sul. E após a realização do eP de Londres, última etapa disputada até aqui, Stoffel Vandoorne se colocou em uma posição muito favorável para enfim soltar o grito de campeão que foi para o outro lado da garagem da Mercedes em 2021.

Curiosamente, as chances de Vandoorne alcançar o título da Fórmula E foram pelos ares justamente na etapa de Londres, no ano passado. Na ocasião, Oliver Rowland atingiu o carro do belga e acabou com suas esperanças de conquistar o título ao final do ano.

▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Também teve treta: De Vries não viu necessidade de ajudar Vandoorne em Londres (Foto: FIA Fórmula E)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Uma temporada depois, entretanto, Vandoorne pôde reescrever sua história. Com um pódio de fundamental importância na primeira corrida e uma escalada de 13º para quarto na segunda, o piloto da Mercedes ignorou a fase terrível de seus concorrentes ao título — Edoardo Mortara e Mitch Evans — para selar um final de semana com chave de ouro e ficar muito próximo de levantar a taça.

Com tantos ingredientes em apenas dois dias, JP Nascimento relembra a batida do ano passado e fala sobre a vitória de Lucas Di Grassi, além da contagem regressiva de Vandoorne pelo título. Confira!

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Escanteio SP.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar