MotoGP

Patrocinador em comum, Monster Energy quer promover troca entre Rossi e Hamilton para teste

De acordo com a revista inglesa ‘Autosport’, a Monster Energy quer promover uma troca, colocando Valentino Rossi para guiar o F1 da Mercedes e Lewis Hamilton para pilotar a YZR-M1 da MotoGP. O site italiano ‘GPOne’, por sua vez, já dá o teste como certo, inclusive afirmando que vai acontecer depois da etapa de Abu Dhabi da F1

Grande Prêmio / Redação GP, de São Paulo
GUIA 2019
🏁 MotoGP abre 2019 imprevisível e com promessa de alta competitividade
🏁 Por equilíbrio, MotoGP introduz mudanças aerodinâmica e eletrônica
🏁 Yamaha mostra evolução. Mas a dúvida permanece: é o suficiente?
🏁 Ducati sai da pré-temporada forte e vê chance de recuperar título
🏁 Honda carrega mistério: Márquez e Lorenzo vão se aguentar sem brigas?
🏁 Após anos de 'chove e não molha', Suzuki vê chance de dar próximo passo
🏁 KTM tem Pedrosa como trunfo e chance de acelerar evolução da RC16
🏁 Aprilia mira evolução e busca recuperação após 2018 decepcionante
🏁 Moto2 tem motor Triumph, mudança na classificação e classe talentosa
🏁 Moto3 traz nova classificação, volta de Fenati, time de Biaggi e promessa Öncü
🏁 Até com Gibernau, Mundial estreia Copa do Mundo de MotoE em 2019

Lewis Hamilton parece cada vez mais próximo de guiar uma MotoGP. No Catar neste sábado (9) para acompanhar o Mundial de Motovelocidade, o #44 nunca escondeu seu desejo de pilotar um protótipo da classe rainha e ganhou o apoio da Monster Energy em uma empreitada que envolve até Valentino Rossi.
 
De acordo com a revista inglesa ‘Autosport’, a Monster Energy, que patrocina os dois pilotos, quer promover uma troca, entregando a YZR-M1 da Yamaha nas mãos de Hamilton e disponibilizando o carro da Mercedes para Rossi.
 
Não é de hoje, porém, que a Monster tenta viabilizar este teste, mas, até agora, sem muitos resultados.
Lewis Hamilton está no Catar neste sábado para acompanhar a MotoGP (Foto: Xavi Bonilla/Grande Prêmio)
❀ Tatiana Calderón – pilota de testes da Alfa Romeo e primeira mulher a correr na F2
❀ Bruna Tomaselli - do kart em Santa Catarina à seleção na W Series e no Road to Indy
 Laia Sanz – multicampeã de Trial e enduro e ‘rainha’ do Rali Dakar
❀ Jutta Kleinschmidt - primeira mulher a vencer uma especial e a conquistar o Rali Dakar
❀ Bia Figueiredo – primeira brasileira na Indy e pilota de carreira internacional consolidada

“Essa possibilidade está sendo cogitada há anos, mas não conseguimos viabilizar isso”, disse um porta-voz da Yamaha à publicação. “Vamos ver o que acontece desta vez. Não tem nada decidido, longe disso”, assegurou.
 
De acordo com o site italiano ‘GPOne’, entretanto, já existe um acordo para que a troca aconteça após o GP de Abu Dhabi, último compromisso do ano da F1. Segundo a publicação, Rossi assumiria o W10, enquanto Hamilton guiaria a versão de 2019 da M1.
 
Esta, no entanto, não é a única opção para Lewis. A Mercedes é patrocinada pela Petronas, mesma empresa que apoia a SIC na MotoGP. Franco Morbidelli e Fabio Quartararo inclusive já disponibilizaram suas motos para o pentacampeão da F1.